quarta-feira, Agosto 31, 2011

Frango com Salada de Grão de Bico à Marroquina

Uma refeição com um cheirinho a médio-oriente, foi o nosso jantar no passado sábado. A salada de grão de bico, que poderá ser comida simples e também acompanha bem costeletas de porco ou de borrego, é deliciosa e permite variar dos acompanhamentos mais habituais. E super simples de preparar!

Ingredientes para 2 pessoas:

2 peitos de frango pequenos
200g de grão de bico cozido
1/2 pimento vermelho
1 cebola pequena
1 dente de alho
azeite q.b.
2 colheres de chá de cominhos em pó
1 colher de chá de coentros em pó
1 colher de café de canela em pó
1 colher de café de colorau doce
sumo de limão q.b.
sal e pimenta q.b.
coentros frescos q.b.

Preparação:

Corte os peitos de frango em bifinhos e tempere com sumo de limão, sal e uma colher de chá de cominhos me pó. Reserve.
Num tachinho coloque um pouco de azeite e junte a cebola e o alho previamente picados. Deixe refogar um pouco e junte o pimento vermelho em cubinhos e as restantes especiarias, deixando cozinhar. Acrescente o grão de bico cozido e, se necessário, um pouco de água, rectifique de sal e pimenta e deixe cozinhar um pouco. No final, acrescente os coentros frescos picados.
Grelhe os bifinhos de frango e regue-os com um pouco mais de sumo de limão.
Sirva a salada de grão de bico com o bifinhos de frango polvilhando com mais coentros frescos antes de servir.

Bom Apetite!

terça-feira, Agosto 30, 2011

Tango de Chá

Desde que descobri esta receita, tem sido a bebida de eleição deste verão. Fresca, pouco alcoólica,simples, económica e muito saborosa.
A receita quase que me passava despercebida entre as páginas da revista Saberes & Sabores da Vaqueiro, mas a combinação de ingredientes deixou-me muito curiosa e não resisti a experimentar.
O sucesso foi comprovado em mais um "jantar a 6" na varanda, em que os dois jarros preparados claro que nos souberam a pouco! Era impossível não partilhar aqui.

Ingredientes para 1 jarro grande:
(adaptado de Saberes & Sabores nº 210, Agosto 2011, pág. 26)

2 saquetas de chá preto (usei Earl Grey)
1 litro de água
2,5dl de xarope de groselha
1 laranja
gelo q.b.
1 pé de hortelã fresca
1 cerveja mini (250ml)

Preparação:

Ferva a água e coloque as saquetas de chá em infusão dentro de um jarro grande. Deixe arrefecer e retire as saquetas de chá, adicionando o xarope de groselha e a laranja cortada em rodelas. Misture e leve ao frigorífico para refrescar bem.
Antes de servir  junte o gelo, a hortelã e a cerveja bem fresca. Misture bem e sirva,

Bom Apetite!

segunda-feira, Agosto 29, 2011

Fusilli com Tomate Cherry e Espinafres

O tomate continua a ser o ingrediente principal cá em casa. Desta vez pequenos tomate cherry que acabaram num delicioso molho não cozinhado que, juntamente com uma simples massa , deram origem a uma das melhores refeições da semana.

Ingredientes para 2 pessoas:

120g de massa fusilli (ou penne)
150g de tomate cherry
50g de espinafres
1 colher de sopa de azeite
1 dente de alho
1 colher de chá de vinagre balsâmico
sal q.b.

Preparação:

Coza a massa em água temperada de sal até ficar al dente.
Entretanto corte os tomatinhos ao meio e misture-lhe o dente de alho esmagado, o azeite e o vinagre. Com as mãos esmague grosseiramente os tomates. Reserve.
Quando a massa estiver cozida escorra-a e volte a colocar na panela onde a cozer. Misture os espinafres previamente lavados e bem secos (que vão murchar em contacto com a massa quente) e a mistura de tomate. Envolva bem para misturar e sirva.

Bom Apetite!

sexta-feira, Agosto 26, 2011

Doce de Figo com Laranja e Vinho do Porto

 A minha sogra ofereceu-me uma cestinha cheia de figos caseiros  e madurinhos que necessitavam de ser consumidos com alguma rapidez. E nesse mesmo dia, reparo nesta receita fantástica da Moira, do Tertúlia de Sabores. Um doce de figo enriquecido com o sabor da laranja e do vinho do porto que me levou de imediato à cozinha.
Já estou a ver este doce a brilhar com esta singela receita de queijo de cabra com doce de figo...

Ingredientes para cerca de 2 frascos de 250ml:

750 g de figos
500 g de açúcar
sumo de 1 laranja grande
casca de laranja
1 cálice de Vinho do Porto

Preparação:

Lave os figos, seque-os  e corte-os aos quartos. Coloque-os depois num tacho juntamente com o açúcar, o vinho do porto, o sumo e uma casca de laranja.
Depois de levantar fervura, baixe o lume e deixe cozinhar lentamente, mexendo de vez em quando para não pegar e até o doce atingir o ponto de estrada (que é quando depois de colocar um pouco de doce num prato e lhe passar o dedo, se formar uma "estrada"!).
Retire o doce do lume coloque -o, ainda quente, em frascos esterilizados. Feche os frascos e coloque-os de cabeça para baixo - isto ajuda a criar um vacuo natural e a ajuda a conservar o doce mais tempo.

Bom Apetite!

quinta-feira, Agosto 25, 2011

Couscous de Limão e Coentros com Salmão Grelhado

Uma combinação fresca e deliciosa, ideal para dias mais quentes. Os couscous assim temperados com limão ajudam a cortar a gordura natural e saudável do salmão, fazendo desta uma combinação perfeita.
Uma refeição preparada em menos de 15 minutos, saudável e saborosa.
Óptima para dias preenchidos!

Ingredientes para 2 pessoas:

2 postas de salmão
1 copo (150ml) de couscous
sal e pimenta q.b.
1 limão
1 raminho de coentros frescos
azeite q.b.

Preparação:

Tempere o salmão com um um pouco de sal.
Numa taça coloque os couscous, um pouco de sal e de pimenta e hidrate com 1 copo (150ml) de água a ferver. Misture bem e tape com um prato deixando repousar e inchar cerca de 5 minutos.
Entretanto grelhe o salmão,
Assim que os couscous estiverem absorvido toda a água e aumentado o seu volume, separe-os com um garfo, Acrescente agora a raspa da casca do limão  e os coentros previamente picados, Junte também o sumo de meio limão, um pouco de azeite e envolva bem.
Sirva o salmão com os couscous e acompanhe ainda com legumes cozidos como feijão verde.

Bom Apetite!

quarta-feira, Agosto 24, 2011

Cataplana Exótica de Peixe

Continuo a dar uso às minhas cataplanas e a experimentar combinações diferentes das receitas mais tradicionais. Este fim de semana a cataplana levou gengibre, chili, coco e sumo de lima e resultou numa exótica combinação. As vantagens são as de sempre: rapidez e sabor.

Ingredientes para 2 pessoas:

300g de tintureira sem peles nem espinhas (podem usar cação ou outro peixe branco)
300g de ameijoas
200g de lulas limpas
100g de coco em barra
1 molho pequeno de coentros
2 dentes de alho
1 pedaço de gengibre fresco (cerca de 1,5cm)
1 cebola pequena
1/2 pimento verde
1 tomate bem maduro
1 malagueta chili
1 lima
1 colher de sopa de azeite
sal q.b.

Preparação:

Pique a cebola, os dentes de alho, o gengibre e metade dos coentros. Corte a malagueta em juliana fina, o tomate em pequenos pedaços e o pimento em tirinhas. Corte o peixe em pedaços grandes e as lulas em rodelas.
Coloque no fundo da cataplana o azeite e aloure a mistura de cebola, alho, coentros e gengibre picado. Acrescente a malagueta e deixe refogar um pouco. Junte depois o peixe, as lulas, o tomate e o pimento. Tempere de sal e feche a cataplana deixando cozinhar cerca de 10 minutos. Ao fim desse tempo abra cuidadosamente a cataplana (cuidado com o vapor) e acrescente as ameijoas e o coco em barra partido em pedaços (não é necessário acrescentar água pois a que entretanto se formou é suficiente para dissolver o coco em barra - no caso de não encontrar coco em barra acrescente leite de coco). Feche novamente a cataplana e deixe cozinhar mais 5 minutos.
Antes de servir a cataplana polvilhe com os restantes coentros frescos picados e regue com o sumo de lima.
Sirva com arroz basmati.

Bom Apetite!

terça-feira, Agosto 23, 2011

Figos com Queijo de Cabra e Mel

Dos dias que passei no Alentejo, mais concretamente em Beja em casa dos amigos C. e TS. , ficaram para memória futura os mimos deliciosos do meu afilhado G., os sitios saborosos onde almocei com o M., e as entradas preparadas com queijo de cabra que eu e a C, preparamos para os jantares. Como não posso partilhar os mimos do G., nem os meus almoços com o M., deixo a receita de uma das entradas com queijo de cabra, a favorita da C. E já agora, obrigada por estes dias!

Ingredientes para 4 pessoas:

12 figos
3 colheres de sopa de açúcar
2 colher de sobremesa de mel
200g de queijo de cabra  (chévre)

Preparação:

Lave bem os figos e corte-os ao meio no sentido do comprimento. Leve uma frigideira anti aderente ao lume com o açúcar e junte os figos com a parte cortada virada para baixo. Deixe caramelizar até os figos ficarem com uma cor dourada.
Retire os figos e coloque-os nos pratos de servir. Cubra cada meio figo com queijo de cabra - o calor do figo quente deverá ser suficiente para que o queijo derreta; se isso não acontecer coloque uns segundos no microondas.
Aos sucos que ficaram na frigideira junte o mel deixando levantar fervura. Regue depois os figos com este molho.
Sirva de imediato como entrada.

Bom Apetite!

segunda-feira, Agosto 22, 2011

Salada de Grão de Bico com Bacalhau, Tomate e Pimento Assado

Uma salada de sabores bem portugueses para começar bem a semana. O tomate maduro, o pimento assado, o bacalhau e o grão juntos numa refeição que se deve preparar com alguma antecedência e que é ideal para colocar na lancheira e levar para o almoço no escritório, ou perfeita para ficar pronta de véspera para o jantar do dia seguinte.

Ingredientes para 2 pessoas:

350g de grão de bico cozido
1 posta grande de bacalhau
1 tomate grande maduro
1 pimento verde
1 raminho de salsa
2 dentes de alho
sal e pimenta q.b.
azeite q.b.
vinagre q.b.

Preparação:

Coza a posta de bacalhau em água temperada com umas pedrinhas de sal.
Entretanto grelhe o pimento (no forno ou numa grelha no fogão) até estar cozinhado e lhe conseguir retirar a pele. Corte o tomate em cubinhos e pique a salsa e os dentes de alho finamente.
Quando o bacalhau estiver cozinhado limpe-o de peles e espinhas, e depois de assado retire a pele ao pimento, limpe-o de sementes e corte-o em pedacinhos.
Numa saladeira junte o grão de bico cozido, o bacalhau desfiado, o tomate e o pimento em cubos, a salsa e o alho picados. Tempere, se necessário, com umas pedrinhas de sal, um pouco de pimenta e regue generosamente com azeite e um pouco de vinagre. Envolva bem todos os ingredientes e deixe a ganhar sabor pelo menos uma hora antes de servir.

Bom Apetite!

sexta-feira, Agosto 19, 2011

Bolo Amanteigado de Ameixas

Está calor... E está ainda mais calor se ligarmos o forno. É por isso que este bolo foi cozinhado no mesmo dia em que fiz as bolachinhas de courgete, já noite dentro, para minimizar o impacto de ter o forno ligado num dia em que os termómetros chegaram aos 37ºC por estes lados.
E talvez não seja bolo a sobremesa que mais apetece nesta altura do ano. Mas as ameixas que há cá por casa fizeram-me ter vontade de preparar um bolo com esta fruta de verão.E porque não?
O bolo fica húmido e muito saboroso, com um travo ligeiramente ácido das ameixas que contrasta com o sabor mais amanteigado da massa. Um bolo delicioso para um lanche ou pequeno almoço demorado na varanda, e com muito sabor a verão!

Ingredientes:
(adaptado de "GoodFood", Agosto 2011, pág.58)

150ml de leite
1 colher de chá de extracto de baunilha
3 ovos
350g de farinha com fermento
300g de açúcar
200g de manteiga derretida
350g de ameixas

Cobertura:
25g de manteiga derretida
3 colheres de sopa de açúcar mascavado claro
3 colheres de sopa de lascas de amêndoas tostadas

Preparação:

Misture os ingredientes da cobertura e coloque-os no fundo de numa forma redonda. sem buraco, previamente forrada com papel vegetal.
Misture depois o leite com a baunilha e reserve.
Numa taça grande coloque o açúcar e os ovos, e misture com uma batedeira até ficarem esbranquiçados e terem aumentado de volume, cerca de 5 minutos. Junte agora 1/3 da farinha e misture suavemente para incorporar. Junte depois 1/3 do leite com a baunilha e envolva bem. Repita mais duas vezes até esgotar esses ingredientes. No fim, misture suavemente a manteiga derretida .
Corte as ameixas ao meio e retire-lhes o caroço. Coloque-as na forma, sobre a cobertura com o corte virado para baixo. Por cima coloque a massa do bolo e leve a assar em forno previamente aquecido a 160ºC cerca de 1h15 ou até o bolo estar cozinhado.
Deixe o bolo arrefecer cerca de 20 minutos antes de o desenformar, e sirva morno ou frio.

Bom Apetite!

quinta-feira, Agosto 18, 2011

Arroz de Tomate e Pimento com Pescada

Com a quantidade de alguns legumes a encherem o frigorífico cá de casa, já comecei a preparar as próximas estações. Já há tomate maduro e vermelhinho congelado, bem como pimento às tiras para os estufados e guisados de inverno. Há courgete aos cubos dividida em saquinhos para usar nas sopas e eu penso em como dá tanto jeito, principalmente nestas alturas, em ter uma arca congeladora.
Agora que penso nisto, ainda vou ter que me preparar para mais uma dose de compotas, desta vez de doce de tomate....Até lá, e com tanta abundância, continuam os cozinhados com tomate e pimento e courgete. E não se espera que abrande nos próximos tempos.

Ingredientes para 2 pessoas:

4 lombinhos pequenos ou postas de pescada limpas de peles e espinhas
1 medida de arroz
1 cebola
2 dentes de alho
2 tomates maduros
1 pimento verde pequeno
1 molho pequeno de coentros frescos
2 colheres de sopa de azeite
sal e pimenta q.b.
tabasco q.b.
50ml de vinho branco

Preparação:

Pique a cebola e os dentes de alho e leve ao lume num tachinho juntamente com o azeite e deixe refogar.
Acrescente depois o tomate em cortados em cubos (eu deixei ficar a pele, mas pode retirar se preferir), o pimento também em cubinhos e metade dos coentros frescos picados. Deixe refogar uns minutos e acrescente o vinho branco e tempere com um pouco de sal, pimenta e umas gotas de tabasco a gosto.
Acrescente o arroz e envolva no refogado. Junte agora 3 medidas de água a ferver, o peixe partido em pedaços grosseiros e rectifique de sal. Tape e deixe cozinhar em lume muito brando até o arroz estar cozido.
Retire do lume, e envolva os restantes coentros picados. Sirva de imediato.

Bom Apetite!

quarta-feira, Agosto 17, 2011

Bolachas de Courgete

Pode parecer estranho ter feito bolachas com courgete, mas são mesmo muito boas e ninguém diz que levam este legume mal amado. Para os mais esquisitinhos é mesmo melhor nem dizer quais são os ingredientes. São bolachas caseiras e pronto! E têm a vantagem de não levarem ovos, o que é óptimo para pessoas com essa intolerância.
Descobri estas bolachas por acaso, no site da Martha Stewart, numa pesquisa por receitas que me ajudassem a escoar o stock de courgete. Uns dias depois vi-a também no blogue Canela Moída, e fiquei convencida de que seriam uma excelente e diferente forma de consumir as courgetes.

Ingredientes para cerca de 30 bolachas:
(in marthastewart.com - usei uma chávena de medida com 220ml de capacidade)

125g de manteiga sem sal à temperatura ambiente
1 chávena de açúcar em pó
1/2 colher de chá de extracto de baunilha
1 colher de chá de raspa de limão
1 colher de chá de sal
1 chávena de farinha
1/2 chávena de farinha de milho
1 chávena de courgete ralada (eu retirei a casca por causa dos esquisitos)

Preparação:

Numa taça grande mistura a manteiga e o açúcar até ficar esbranquiçado e fofo. Acrescente depois a raspa de limão, o sol e o extracto de baunilha. Junte depois as farinhas envolvendo até ficar com uma mistura granulosa. Por fim acrescente a courgete e mexa bem até obter uma massa grossa.
Coloque colheradas de massa, afastadas, num tabuleiro previamente forrado com papel vegetal e leve a cozinhar em forno médio (cerca de 160ºC) durante 20 a 30 minutos, até as bolachas ficarem ligeiramente douradas.
Deixe arrefecer e guarde numa caixa hermética.

Bom Apetite!

terça-feira, Agosto 16, 2011

Sopa de Feijão Verde com Tomate

Como habitualmente, vim de casa dos meus avós carregada de fruta e legumes. Não há duvida que verão é sinónimo de abundância! A minha avó tinha para mim, feijão verde tenrinho, tomates aromáticos e saborosos, cebolas novas, courgetes, alhos franceses, batatas, pimentos, ameixas, uvas, pêras, pepinos e ainda bróculos e couve cortada para caldo verde. Um verdadeiro cabaz orgânico! E é um privilégio poder cozinhar com estes ingredientes. Com muitos legumes para preparar, organizar e arrumar saiu logo uma sopa de feijão verde com tomate que, tanto eu como o M. gostamos muito.

Ingredientes para 4 pessoas:

1 courgete média
1 alho francês
1 cebola pequena
2 cenouras pequenas
300g de feijão verde
1 tomate médio bem maduro
sal q.b.
azeite q.b.

Preparação:

Lave bem todos os legumes. Descasque a courgete, a cebola e as cenouras e corte-as em pedaços. Corte o alho francês em rodelas e lave-o novamente para retirar bem toda a terra. Coloque depois estes legumes numa panela e cubra-os com água a ferver. Tempere com um pouco de sal e um fio de azeite e deixe cozinhar até estarem bem macios.
Entretanto corte o feijão verde em pedacinhos não muito grossos (e para meu gosto pessoal em viés) e pele o tomate, cortando-o depois em cubos. Reserve.
Quando os legumes estiverem cozidos passe-os bem com a varinha mágica (fazendo movimentos de cima para baixo) de modo a que a sopa fique bem cremosa. Acrescente mais água se o creme estiver muito grossp e rectifique de sal. Leve a sopa novamente ao lume e deixe levantar fervura. Acrescente o feijão verde cortado e deixe cozinhar. Quando o feijão verde estiver praticamente cozido acrescente o tomate em cubos e deixe cozinhar mais 2 minutos e desligue.
Sirva a sopa quente ou fria.

Bom Apetite!

segunda-feira, Agosto 15, 2011

Limonada de Lima, Hortelã e Gengibre

Se com limão se faz limonada, com lima faz-se "limanada", não? No entanto, se escrevesse isso no título da receita, todos ficariam a pensar que se tratava de um lapso ortográfico.
Esta limonada de lima teve também a companhia da minha erva adorada, a hortelã e um pouco de gengibre fresco ralado. Fica com um sabor forte e refrescante, tudo o que pretendemos para afugentar o calor.
Uma verdadeira "limanada" de verão!

Ingredientes para cerca de 1 litro:

750ml de água fresca
1 lima
1 colher de sobremesa de gengibre ralado
1 pernada de hortelã
açúcar ou adoçante a gosto
gelo q.b.

Preparação:

Lave bem a lima, corte-a ao meio e esprema bem o sumo. Junte depois o gengibre ralado, as folhas de hortelã e a casca da lima (o que restou depois de espremer o sumo) partida em pedaços. Acrescente a água e coloque tudo no copo liquidificador e triture bem.
Coloque a mistura numa jarra (e se não tiver ficado bem triturado caso o seu copo tenha pouca potência, coe a mistura antes de colocar no jarro) e adoce a gosto. Guarde no frigorífico e antes de servir junte o gelo.

Bom Apetite!

sexta-feira, Agosto 12, 2011

Chutney de Ameixas com Vinho do Porto e Especiarias

Andava há que tempos para fazer um chutney. E não sei porque razão meti na minha cabeça que havia de ser um chutney de manga. Entretanto, com a abundância dos pêssegos em Junho, achei que o ideal era fazer um chutney de pêssego. Mas os pêssegos entraram por esta cozinha dentro e, os que não se comeram, acabaram todos na panela das compotas.
Entretanto as ameixas começaram a chegar. E desta vez não perdi a oportunidade de finalmente preparar um chutney. Pessoalmente acho que ficou delicioso e só tenho pena de ter feito pouca quantidade. Acho que ainda este ano vou repetir a dose, pois acho que seriam uma excelente adição aos cabazes de natal.

Ingredientes para 1 frasco (220ml):
(adaptado de BBC Good Food, Agosto de 2011, pág. 58)

250g de ameixas sem caroço (eu mantive a casca)
1 cebola
30g de passas
1 colher de chá de gengibre fresco picado
1 colher de chá de sementes pretas de mostarda
1 colher de café de cominhos
1 colher de café de colorau doce
1 colher de café de piri-piri moído
190ml de vinagre de vinho branco
25ml de vinho do porto
250g de açúcar amarelo
1 colher de sopa de açúcar mascavado escuro
1 pitada de sal

Preparação:

Pique as ameixas em pedacinhos bem pequenos assim como a cebola (eu piquei com a faca - se usar um robot de cozinha tenha cuidado para não picar demasiado e acabar com umas pasta em vez de pequenos pedaços de fruta e cebola).
Num tacho coloque a mistura de ameixas e cebola assim como os restantes ingredientes com a excepção dos açúcares e do sal. Mexa bem e coloque em lume brando até levantar fervura. Tape, diminua o lume e deixe cozinhar cerca de 10 minutos até as ameixas estarem macias.
Acrescente agora o açúcar amarelo, o açúcar mascavado escuro e o sal e mexa bem até tudo estar dissolvido. Deixe cozinhar cerca de 30 minutos com o tacho destapado (e sempre em lume brando) mexendo de vez em quando. Está pronto quando tiver a consistência de uma compota - para ver se está no ponto coloque um pedacinho de chutney num prato e passe com o dedo ou com a ponta de uma faca. Se abrir uma "estrada" quer dizer que está pronto.
Coloque depois o chutney num frasco esterilizado, feche bem e vire de cabeça para baixo para criar um vácuo natural. Guarde durante 2 semanas antes de servir.
Ideal como acompanhamento de carnes, especialmente  carne de porco e queijos.

Bom Apetite!

quinta-feira, Agosto 11, 2011

Hamburguer de Porco com Cebola Confitada

Quem não gosta de um bom hamburguer? Um pão tostadinho, com carne sumarenta e bem recheado com alface e tomate é uma refeição que me agrada bastante.
Num destes nossos jantares de domingo na varanda - quando chegam as noites quentes de verão  trocamos o sofá pela varanda - foi dia de hamburguer caseiro, recheado não só de tomate e alface, mas também com  bacon, queijo, ovo e uma deliciosa cebola confitada. Uma indulgência (e bomba calórica) só para muito de vez em quando....

Ingredientes para 2 pessoas:

300g de carne de porco picada (usei perna de porco que pedi para picar)
2 pãezinhos de hamburguer
1 tomate
2 folhas de alface
1 cebola grande
100ml de azeite
sal q.b.
2 fatias de queijo
2 ovos
2 fatias de bacon

Preparação:

Tempere a carne de porco picada com sal e misture bem. Molde 2 hamburguers do mesmo tamanho dos pãezinhos e coloque no frigorífico para ganharem consistência.
Entretanto prepare a cebola confitada. Descasque e corte a cebola em meias luas e leve-a a lume brando juntamente com o azeite e umas pedrinhas de sal. Tenha cuidado para o lume não estar demasiado forte e fritar a cebola em vez de simplesmente a cozer no azeite.Deixe cozinhar até a cebola estar macia e apresentar um aspecto mole e esbranquiçado, o que demorará cerca de 30 minutos.Quando estiver pronta escorra a cebola do azeite e reserve (e guarde o azeite para utilizar noutras preparações culinárias).
Corte o tomate em rodelas não muito finas e lave bem a alface.
Grelhe os hamburgueres de ambos os lados e quando estiverem quase cozinhados coloque as fatias de queijo por cima, deixando derreter. Grelhe também o bacon até ficar estaladiço e escorra sobre papel absorvente.
Estrele os ovos (poderá usar um pouco do azeite onde confitou a cebola) e torre ligeiramente os pãezinhos.
Sobre cada pão coloque as folhas de alface, seguidas do bacon e do tomate. Por cima coloque o hamburguer com o queijo e finalmente termine com o ovo.
Sirva os hambuerguers com batatas fritas caseiras.

Bom Apetite!

quarta-feira, Agosto 10, 2011

Perninhas de Frango com Alho e Alecrim

Existem boas combinações de sabores que transformam por completo as nossas refeições do dia-a-dia. A simplicidade do azeite com alho e alecrim são das minhas favoritas, seja para usar com carne de porco  ou com uns pequenos pedaços de frango.
Na cozinha de todos os dias, que se quer rápida e simples para acompanhar os nossos dias atarefados e cheios, não temos que deixar de lado o sabor, nem recorrer a sabores artificiais. Ao nosso alcance estão ingredientes simples e acessíveis, que fazem com que um prático jantar deixe quem come ao nosso lado (neste caso o M.) a lamber os dedos e a perguntar se não há mais....

Ingredientes para 2 pessoas:

2 pernas inteiras de frango (com coxa e perninha)
1 pernada de alecrim fresco
4 dentes de alho
sal e pimenta q.b.
1 colher se sopa de azeite
50ml de vinho branco

Preparação:

Separe a perna da coxa do frango, e retire a pele à coxa. Tempere depois os pedaços de frango com sal e pimenta.
Descasque os dentes de alho e corte-os em lâminas finas. Pique finamente as folhinhas do alecrim. Reserve.
Leve uma frigideira anti aderente ao lume com o azeite e deixe aquecer. Acrescente o frango e deixe alourar de ambos os lados. Acrescente agora os dentes de alho laminados e o alecrim picado. Tape a frigideira com a tampa de um tacho grande e reduza o lume para o mínimo, deixando o frango cozinhar cerca de 10 minutos, virando-o de vez em quando para que fique dourado de ambos os lados. Ao fim dos 10 minutos acrescente o vinho branco e deixe cozinhar mais 10 minutos, tapado e virando de vez em quando.
Sirva as perninhas de frango com feijão verde cozido.

Bom Apetite!

terça-feira, Agosto 09, 2011

Pastelão de Ovos com Courgete e Queijo

Cá em casa há sempre um ou outro legume em abundância. Agora é tempo das muitas courgettes, do tomate e do feijão verde.
Num destes dias, em que preparava uma espécie de brunch para mim e para o M., lembrei-me de que poderia fazer assim, uma espécie de fritata e aproveitar algumas das courgetes. Muito boa!
O pastelão ou omelete ou fritata - como lhe quiserem chamar - é uma óptima maneira de começar o dia ou de rapidamente conseguirmos uma refeição mais ligeira para o almoço ou jantar.

Ingredientes para 2 pessoas:

4 ovos
200g de courgete
sal e pimenta q.b.
1 colher de sopa de azeite
50g de queijo (pode ser queijo de cabra, mozarella ou outro da sua preferência)

Preparação:

Rale a courgete e leve-a a saltear numa frigideira anti aderente com o azeite. Quando começar a ficar macia, espalhe-a bem por toda a frigideira e acrescente os ovos previamente batidos e temperados com um pouco de sal e pimenta. Deixe cozinhar em lume brando até ficarem começarem a ficar cozinhados à superfície.
acrescente depois o queijo partido em pedacinhos, espalhando-o sobre o pastelão. Tape com uma tampa de uma panela grande e que cubra a frigideira e deixe acabar de cozinhar até o queijo derreter.
Retire e sirva com pão, ou legumes ou até um pouco de arroz e salada consoante a refeição.

Bom Apetite!

segunda-feira, Agosto 08, 2011

Esparguete com Tomate, Ameijoas e Lulas

O verão insiste em nos mostrar as suas muitas caras, Ora chove e não podemos sair de casa sem um agasalho, ora está um sol maravilhoso e um imenso calor. E tudo no mesmo fim de semana...
Para tentar ultrapassar o verão chuvoso que não parece verão, levam-se à mesa comidas que nos lembrem realmente qual a estação do ano em que estamos. Como este esparguete com alguns frutos do mar e com os primeiros tomates caseiros, maduros e aromáticos deste ano. E viva o verão, apesar das suas muitas caras!

Ingredientes para 2 pessoas:

150g de esparguete
400g de ameijoas (com casca)
6 lulas não muito grandes
salsa q.b.
2 tomates maduros
1 cebola pequena
1 dente de alho
1 copo de vinho branco
umas gotas de tabasco
azeite q.b.
sal e pimenta q.b.

Preparação:

Pique a cebola e o dente de alho e leve a refogar, num tachinho, com uma colher de sopa de azeite. Entretanto tire a pele ao tomate e corte-o também em cubinhos e acrescente ao refogado assim como um poucvo de salsa picada. Deixe cozinhar uns minutos.
Corte as lulas já limpas em rodelas finas e junte ao refogado. Acrescente o vinho branco e tempere de sal, pimenta e umas gotas de tabasco. Quando as lulas estiverem praticamente cozidas acrescente as ameijoas, envolva no refogado, tape o tacho e deixe que estas cozinhem 2 ou 3 minutos até abrirem. Desligue e junte a restante salsa picada.
Entretanto coza o esparguete em água temperada de sal até ficar al dente. Escorra bem e envolva no preparado anterior. Sirva de imediato.

Bom Apetite!

sexta-feira, Agosto 05, 2011

Gelado de Laranja

Decidi fazer um gelado de laranja para acompanhar o creme caramel e acho que ficou uma combinação surpreedente. Simples ou com companhia o gelado é a sobremesa de verão. Porque não experimentar durante o fim de semana?

Amanhã, sábado, pelas 21h30 estarei na Feira do Livro de Sesimbra e no domingo, pelas 17h30 na Feira do ivro da Ericeira. Como sabem serão muito bem vindos!

Ingredientes:

3 laranjas
300ml de leite
200ml de natas
2 gemas
125g de açúcar

Preparação:

Num tacho misture o açúcar com o leite, as natas e a raspa das três laranjas. Deixe levantar fervura e retire depois do lume. Numa taça bata as gemas e misture cuidadosamente o leite em fio. Acrescente também o sumo de uma das laranjas. Misture bem e deixe arrefecer.
Coloque agora tudo na máquina dos gelados e proceda de acordo com as instruções do fabricante. Cerca de 30 minutos depois terá o gelado pronto que deverá guardar numa caixa hermética no congelador. Se não tem máquina de gelados coloque a mistura no congelador e, de hora a hora vá batendo a mistura com um garfo de modo a quebrar os cristais de gelo e permitindo que o gelado se vá tornando cremoso.

Bom Apetite!

quinta-feira, Agosto 04, 2011

Creme Caramel

Apesar do nome poder fazer acreditar que se trata de outra coisa, creme caramel não é nada mais do que um pudinzinho individual. E foi a sobremesa que resovi fazer para o jantar de sexta-feira. Para ser diferente e por causa de outras inspirações, resolvi servir o creme caramel com um gelado caseiro de laranja. Uma combinação agradável e fresca.

Ingredientes para 6 pessoas:

4 ovos
200ml de natas
400ml de leite
100g de açúcar
1 vagem de baunilha (opcional)
caramelo líquido

Preparação:

Num tacho junte o leite, as natas e a vagem de baunilha aberta ao meio e com as sementes raspadas. Deixe levantar fervura e desligue. Deixe arrefecer e coe.
Bata então os ovos inteiros com o açucar misturando muito bem. Junte a mistura de leite e natas, aos poucos e poucos sem parar de misturar.
Coloque um pouco de caramelo líquido no fundo de 6 tacinhas (ramequins) que possam ir ao forno, e divida a mistura de leite, ovos e natas entre elas. Coloque as tacinhas num tabuleiro fundo e coloque água bem quente até meio do tabuleiro - e que cubram as tacinhas até meio -  de modo a que os pudins cozam em banho maria. Coloque no forno pré-aquecido a 140ºC e deixe cozinhar cerca de 30 minutos.
Retire os pudins do forno, deixe arrefecer e coloque no frigorífico durante algum tempo até estarem bem frios.
Para servir desenforme os pudinzinhos para o prato e sirva simples, com fruta, natas batidas ou gelado.

Bom Apetite!

quarta-feira, Agosto 03, 2011

Porco Assado com Puré de Maçã e Pêra e Molho de Coentros

Depois de horas sem saber o que cozinhar para o jantar de sexta-feira, acabei a fazer a coisa mais simples do mundo: carne de porco assada lentamente, que ficou macia a desfazer-se na boca. Em vez das habituais batatas, acabei a fazer um puré de pêra e maçã que liga muítíssimo bem e um molho de coentros apenas porque sim. No final todos repetiram, portanto posso concluir que até devia estar bom!

Ingredientes para 6 pessoas:

1,4kg de perna de porco
4 dentes de alho
2 colheres de sopa de massa de pimentão
sal q.b.
4 maçãs
4 pêras
azeite q.b.
vinagre balsâmico q.b.
1 molho de coentros

Preparação:

Peça no talho (ou faça em casa) que lhe cortem a carne de porco como se fosse para rechear, "desenrolando-a". Deverá ficar com uma peça de carne comprida e fina.
Tempere a carne com os alhos esmagados, a massa de pimentão e um pouco de sal. Enrole-a como se fosse uma torta e prenda-a com fio de cozinha. Coloque num tabuleiro que vá ao forno, regue com um fio de azeite e tape com papel de alumínio. Leve ao forno pré-aquecido (160ºC) durante cerca de 2 horas.
Entretanto descasque as maçãs e as pêras e corte-as em pedaços. Num tacho coloque um pouco de azeite e salteie-as durante uns minutos. Acrescente depois um bocadinho de água (cerca de 50ml), tape o tacho e deixe cozinhar bem até a fruta estar macia. Triture com a varinha mágica e reserve.
Para o molho de coentros, misture cerca de 6 colheres de sopa de azeite com 3 colheres de vinagre balsâmico. Acrescente os coentros previamente picados e misture bem, Tempere com uma pitada de sal.
Quando a carne estiver cozinhada, retire e deixe repousar uns minutos antes de a cortar. Retire depois o fio de cozinha e corte-a em fatias.
Sirva a carne fatiada sobre o puré de maçã e pêra e um pouco de molho de coentros. Sirva também com tomatinhos assados a acompanhar.

Bom Apetite!

terça-feira, Agosto 02, 2011

Salada Fria de Noodles com Legumes e Molho Thai

Sexta-feira. De manhã cedo o M. liga a confirmar o jantar com o T. e a C. Decido convidar também a AM., o F.e o nosso mais recente "sobrinho", o M. para o seu primeiro jantar social. Não sei o que cozinhar, mas não me preocupo. A minha irmã liga a pedir companhia para umas compras e eu aceito com a desculpa de que também tenho passar no supermercado. Saio com ela, sem saber que receitas fazer e sem lista de compras.
Já no supermercado decido a sobremesa e vou colocando diversos ingredientes no carrinho de compras. Logo se vê. o que fazer com eles. Na caixa de pagamento liga a minha mãe a convidar-me para lá ir almoçar e eu digo que sim.
Às 14h30 chego a casa, começo a arrumar as compras e a tentar decidir de uma vez por todas o que fazer. A AM. liga-me a pedir companhia para sair com ela e o pequeno M. Continuo sem saber o que cozinhar para o jantar mas saio na mesma apenas com a mistura do gelado para a sobremesa preparada (e a acreditar que entretanto vou ter uma ideia fabulosa).
Volto a chegar às 18h30 mas continuo sem saber o que vou dar de comer, dali a pouco mais de duas horas, a 6 pessoas. Entretanto a mistura de gelado que deixei no congelador a arrefecer já quase que congelou e é preciso tentar transformar aquilo num gelado. Ligo o forno, tempero a carne que tinha comprado e deixo-a a assar (continuo sem saber o que vou servir, mas vou fazendo as coisas automáticamente). Começo a ter uma vaga ideia do que vai ser o prato principal e já estou a ponderar não fazer nenhuma entrada.
Chega o M. e são 19h. Pergunta-me o que estou a fazer para o jantar e eu digo-lhe que ainda não sei, mas que o que me está a preocupar é a entrada. Abro o frigorífico e a despensa e pego orgulhosa num pacote de noodles. De repente a entrada está decidida, o prato principal continua ainda turvo na minha cabeça e tenho a noção de que quero fazer uma sobremesa demasiado ambiciosa. Vou continuando, e entretanto mais um telefonema: os convidados só chegam para jantar às 21h30. Afinal não há motivo para tanta correria. Abrando o ritmo e acabo de resolver o jantar na minha cabeça. No fim está tudo preparado e ainda consigo arrumar a cozinha e preparar o brownie de chocolate para levar no dia seguinte à festa do T.
Um jantar de sexta-feira nada normal por estes lados, e uma salada de noodles a repetir.

Ingredientes para 6 pessoas (como entrada):

250g de noodles de ovo (massa chinesa)
200g de cogumelos
2 cenouras
1 lata de maçarocas de milho baby em conserva
1 colher de sopa de óleo de sésamo

Para o Molho Thai:
1 raminho de coentros frescos
1 lima
1 colher de chá de açúcar mascavado escuro
1 colher de sobremesa de molho de soja
1 colher de sopa de molho de peixe
1 dente de alho
1 colher de chá de tabasco (ou uma malagueta chilli picada)

Preparação:

Comece por cozer os noodles em água a ferver temperada de sal. Retire, escorra bem, passe por água fria e reserve.
Entretanto lamine os cogumelos e corte em cenoura em palitos finos.
Leve uma frigideira grande ao lume com o óleo de sésamo e salteie os cogumelos e os palitos de cenoura deixando-os ainda crocantes. Escorra as maçarocas baby e misture-as aos cogumelos e cenouras.
Entretanto prepare o molho thai: ao sumo e raspa da lima acrescente o açúcar e deixe dissolver. Junte depois o dente de alho esmagado, o molho de peixe, o molho de soja e o tabasco. Acrescente os coentros picados e misture bem. Prove o molho e veja se precisa de rectificar com mais açúcar, molho de peixe, tabasco ou sumo de lima. Os sabores devem ser equiliobrados e nenhum deve sobresair.
Numa taça misture os noodles cozidos com os legumes salteados. Tempere com o molho thai e envolva bem.
Sirva polvilhado com coentros frescos picados.

Bom Apetite!

segunda-feira, Agosto 01, 2011

Brownie de Chocolate

Chegou Agosto. Contam-se os dias para irmos de férias, fazem-se planos, ocupam-se os fins de semana.
Este que passou foi muito preenchido: um jantar cá em casa com amigos, a festa de aniversário do T., um jantar de sábado comunitario, uma descida do rio e um piquenique. Parece que passou a correr e que o tempo foi pouco para tudo.
Cozinhei com prazer e por prazer para todos, fiz receitas novas, testei outras e repeti algumas. Como estes brownies que foram feitos 3 vezes durante a semana que passou e que estava a ver que nem à terceira vez os fotografava.  Preparei-os primeiro terça-feira para levar ao jantar em casa da R e do JP. No sábado para a festa do pequeno T. foi-me pedido que o voltasse a fazer. E para o piquenique o M. pediu-os para sobremesa.Um verdadeiro êxito!

E hoje, pelas 21h30, estarei na Feira do Livro de Peniche para mais uma apresentaçaõ do "Feito em Casa". Apareçam!

Ingredientes:

300g de açúcar amarelo
180g de manteiga
4 ovos
200g de chocolate
2 colheres de chá de fermento em pó
100g de farinha

Preparação:

Comece por untar e forrar uma forma  rectangular (20x30cm) com papel vegetal.
Entretanto derreta 150g de chocolate com a manteiga reservando o restante chocolate. Bata o açúcar com os ovos e misture o chocolate e a manteiga derretida, a farinha e o fermento.
Com uma faca parta o restante chocolate em bocadinhos e junte-os também ao preparado anterior.
Coloque a mistura na forma e leve ao forno pré aquecido a 170ºC durante cerca de 30 minutos. Retire o bolo do forno e deixe arrefecer antes de desenformar e cortar em pedaços. (O bolo deverá ficar com uma textura molhada e uma crosta mais crocante, tipico de um brownie!)

Bom Apetite!

Poderá também gostar de:

Related Posts Widget for Blogs by LinkWithin