segunda-feira, abril 30, 2012

Arroz de Frango com Pimento e Alho Francês

Depois de um fim de semana chuvoso e frio em que só apeteceram comidas reconfortantes, sopas e descanso - e onde afinal não tive nada disso - uma nova semana está a começar.
Ainda inspirada pelos dias de chuva, que ao que parece são para continuar, uma refeição de um tacho só para aquecer o coração.
Além disso, deixo-vos também alguns convites. O primeiro, para a Feira do Livro de Lisboa, onde estarei no dia 5 de Maio a partir das 17h30, no stand da Esfera dos Livros. O segunda para a FNAC de Leiria, para a apresentação do "Cozinhar, Celebrar e Partilhar", no dia 18 de Maio pelas 18h30. E finalmente para uma apresentação/workshop no Porto, no El Corte Ingles Gaia - Porto, no dia 11 de Maio pelas 18h30.

Ingredientes para 2 pessoas:

1 colher de sopa de azeite
1/2 frango pequeno partido em pedaços
1 cebola
1 pimento vermelho
1 alho francês
2 dentes de alho
1 colher de sopa de polpa de tomate
1 colher de sopa de tomilho fresco picado
75ml de vinho branco
400ml de água
200g de arroz thai jasmin
alecrim fresco q.b.
sal e pimenta q.b.

Preparação:

Num tacho coloque o azeite e deixe aquecer. Tempere o frango com um pouco de sal e aloure-o no azeite durante uns minutos até ficar dourado. Retire e reserve,
No mesmo tacho acrescente agora a cebola picada, o pimento vermelho partido em pedaços, o alho picado e o alho francês em rodelas grossas (e previamente lavado para não ter terra ou areias). Deixe cozinhar durante uns minutos e acrescente a polpa de tomate.
Junte agora os pedaços de frango alourados, o tomilho picado, o vinho branco e a água. Tempere com um pouco de sal e pimenta e deixe levantar fervura. Reduza o lume, tape o tacho e deixe cozinhar mais 30 minutos.
Ao fim deste tempo rectifique os temperos e acrescente o arroz deixando cozinhar em lume brando até toda a água ter sido absorvida. Desligue e deixe repousar alguns minutos antes de servir.
Polvilhe depois com alecrim fresco picado e sirva com uma salada.

Bom Apetite!

sexta-feira, abril 27, 2012

Batido de Morango e Banana

Há alturas que, por obrigação ou apenas porque sim, temos de abrandar o ritmo. Parar. Pensar. Tomar decisões. Reconsiderar. Rever prioridades. Sinto-me mais ou menos numa dessas fases, e é por isso que tenho andado menos "faladora" e criativa aqui pelo blogue. Até porque o blogue, quer eu queira quer não é um reflexo de mim (pelo menos um bocadinho...) E como eu tenho andado mais parada, menos criativa e até com menos vontade, isso tem-se reflectido por aqui. Mas nada de cuidados... É apenas assim, porque assim tem de ser. Porque todas as pessoas (e eu incluída) têm alturas de menos inspiração e de menos vontade. E essas alturas servem para pensar, analisar e avaliar. Como um caminho que estamos a percorrer e onde de vez em quando, quer seja um caminho fácil ou tortuoso, paramos para contemplar a natureza e descansar as pernas. Esta semana foi uma bocadinho assim... para descansar as pernas e contemplar a natureza enquanto se bebe um batido com sabor à infância e aos pequenos almoços que a minha mãe me preparava antes de ir para a escola. Depois de retemperadas as forças, nada melhor que continuar!
Bom fim de semana a todos!

Ingredientes para 2 pessoas:

1 banana
8 morangos
300ml de leite meio gordo (ou magro)
açúcar q.b. (opcional)

Preparação:

Lave os morangos, retire-lhes os pezinhos e corte-os ao meio. Descasque a banana e corte-as em rodelas. Coloque a fruta num copo alto, junte o leite e se necessário o açúcar, e bata com a varinha mágica até obter um batido cremoso e com espuma.
Beba de imediato ao pequeno almoço ou ao lanche!

quinta-feira, abril 26, 2012

Leite Creme de Laranja e Baunilha

A primeira vez que preparei esta receita foi para o aniversário do M. O resultado agradou a todos, mas com a azáfama natural da festa esqueci-me de fotografar o leite-creme. Entretanto voltei a repetir porque é das sobremesas mais simples de fazer e que agrada a todos, principalmente nesta altura em que, com a chuva e o tempo triste, apetecem coisas assim, reconfortantes e deliciosas. E não há nada mais reconfortante do que quebrar a "capinha" de açúcar e saborear o leite creme ainda morno....

Ingredientes para 6 pessoas:

500 ml de leite meio-gordo
100gr de açúcar
3 gemas
20gr de farinha Maisena (Amido de Milho)
açúcar para queimar o leite-creme
1 vagem de baunilha
casca de laranja

Preparação:

Corte a vagem de baunilha ao meio e raspe as sementinhas. Junte depois ao leite, assim como o resto da vagem e a casca de laranja e leve a ferver e deixe ficar depois em infusão durante algum tempo.
Numa taça, misture o açúcar com a farinha e as gemas e bata muito bem com uma vara de arames. Misture depois, pouco a pouco o leite, mexendo sempre. Coe a mistura para um tacho e levar novamente ao lume, sem parar de mexer, até engrossar.
Distribua o leite-creme pelas tacinhas e deixe arrefecer um pouco. Mesmo antes de servir polvilhe as tacinhas com o açúcar e queime a superfície com o maçarico de cozinha.
Sirva de imediato!

Bom Apetite!

quarta-feira, abril 25, 2012

Bifinhos de Peru com Limão e Couscous com Passas e Azeitonas

Uma receita muito rápida para preparar neste dia da Liberdade. Porque também merecemos receitas que nos libertem rapidamente da cozinha e que permitam aproveitarmos o dia de outra forma. Afinal é feriado. Que tal aproveitar o dia para fazer o que mais nos apetece e disfrutar da "liberdade" de podermos fazer o que queremos?

Ingredientes para 2 pessoas:
(in GoodFood UK Edition Fev. 2012, pág. 14)

2 bifinhos de peru
sumo de 1 limão
1 colher de sopa de azeite
piri-piri moído q.b.
2 dentes de alho esmagados
100g de couscous
40g de passas
125ml de caldo de galinha ou de legumes
40g de azeitonas descaroçadas
200g de grão de bico cozido
1 colher de sopa de salsa picada

Preparação:

Tempere os bifinhos de peru com o sumo de limão, o azeite, o piri-piri moído e os dentes de alho. Deixe marinar.
Entretanto prepare os couscous: coloque-os numa taça juntamente com as passas e junte o caldo de galinha ou de legumes quente. Tape e deixe hidratar durante 5 minutos. Mexa depois os couscous cum um garfo e junte as azeitonas cortadas, o grão de bico e a salsa picada.
Numa grelha ou numa chapa cozinhe os bifinhos de peru até ficarem dourados.
Sirva os bifinhos com os couscous.

Bom Apetite!

terça-feira, abril 24, 2012

Almôndegas com Leite de Coco

Sem dúvidas as melhores almôndegas dos últimos tempos. O leite de coco dá um sabor diferente e que as torna um pouco mais "exóticas".  Que o diga a minha irmã que as ajudou a preparar e ao jantar não se fartou de as elogiar... Além disso esta é uma receita que podem fazer de véspera ou até em maior quantidade e congelar para outras ocasiões.
Espero que também gostem!

Ingredientes para 2 pessoas:

300g de carne picada (porco, vaca ou uma mistura de ambos)
1 cebola
pão ralado q.b.
1 ovo
1 lata pequena de tomate pelado
50ml de vinho branco
200ml de leite de coco
azeite q.b.
sal e pimenta q.b.

Preparação:

Tempere a carne picada com um pouco de sal, pimenta. Pique a cebola e misture metade à mistura de carne, assim como o ovo batido e um pouco de pão ralado (até conseguir moldar bolinhas). Misture bem e tenda as almôndegas. Leve ao frigorífico para ficarem mais firmes.
Entretanto leve um tacho ao lume com a restante cebola picada e um pouco de azeite. Deixe refogar um pouco e junte o conteúdo da lata de tomate pelado (com o tomate cortado em pedacinhos). Acrescente também o vinho branco e tempere com sal e pimenta. Assim que levantar fervura junte as almôndegas e o leite de coco. Deixe cozinhar em lume brando cerca de 35 minutos até as almôndegas estarem cozinhadas e o molho apurado.
Sirva com arroz basmati cozido e legumes.

Bom Apetite!

segunda-feira, abril 23, 2012

Empadão de Salmão

As receitas que fazemos não têm que ser a coisa mais glamorosa do mundo. Tal como na vida real, só de vez em quando há momentos glamorosos. Os restantes são os momentos de todos os dias. Por isso é que a maior parte das coisas que se cozinham aqui por casa não são extraordinárias. São simples e banais adequadas aos momentos que vamos tendo por aqui. Mas, o facto de serem banais, não quer dizer que não sejam cuidadas...Tal como este empadão: não é glamoroso mas é uma refeição ideal para alimentar a família durante a semana.

Ingredientes para 2 pessoas:

2 lombos de salmão
100g de espinafres em folha congelados
1 cenoura
1 cebola pequena
azeite q.b.
50ml de vinho branco
puré de batata q.b. (veja a receita aqui)
1 gema
sal e pimenta q.b.

Preparação:

Pique a cebola e leve-a a alourar num tachinho juntamente com o azeite. Junte depois os lombos de salmão, o vinho branco e tempere de sal e pimenta. Acrescente a cenoura previamente ralada e os espinafres descongelados (poderá descongelar rapidamente no microondas). Deixe cozinhar defazendo com a colher de pau os lombos de salmão sem os desfazer demasiado. Rectifique de sal e pimenta.
No fundo de um pirex coloque a mistura de salmão e legumes e cubra depois com o puré de batata previamente feito. Pincele o puré de batata com gema de ovo e leve ao forno previamente aquecido a cerca de 180ºC até ficar dourado.
Sirva com uma salada verde.

Bom Apetite!

sexta-feira, abril 20, 2012

Mini-Pavlova em Minutos

Há alturas em que tentamos afastar o que nos ocupa a mente a tempo inteiro. Ocupamo-nos de outras coisas e, por vezes, durante alguns momentos conseguimos evitar estar sempre a pensar no mesmo.Tentamos continuar com o nosso dia-a-dia, mas há sempre aquele pensamento "irritante" que não nos deixa descansar. Todos lidamos com situações assim mais tarde ou mais cedo nas nossas vidas. Uns conseguem disfarçar melhor do que os outros. Uns conseguem ocupar melhor a mente, e outros arranjam todo o tipo de actividades onde não têm tempo para sequer pensar.
Quanto a mim, quando algo me ocupa assim a cabeça, nada melhor do que imaginar receitas e pô-las em prática. Foi o caso destas pequenas e saborosas pavlovas.

Ingredientes para 2 pessoas:

4 suspiros (caseiros ou de compra - para os caseiros receita aqui)
100ml de iogurte grego ou natural (se quiserem podem usar natas batidas)
2 colheres de chá de compota de morango
4 morangos
hortelã para enfeitar

Preparação:

Coloque dois suspiros inteiros em cada uma de duas tacinhas. Bata o iogurte (não é necessário juntar açúcar porque os suspiros têm açúcar suficiente) para ficar cremoso e divida-o pelas duas taças colocando-o por cima dos suspiros. Coloque depois uma colher de compota em cada uma das taças sobre o iogurte e termine com os morangos previamente lavados e cortados em pedaços.
Decore com uma folha de hortelã e sirva de imediato.

Bom Apetite!

quinta-feira, abril 19, 2012

Pilaf de Vaca com Legumes

Ainda ontem aqui escrevi que não fazia intenções de publicar aqui as receitas do "Cozinhar, Celebrar e Partilhar". E, apesar de continuar a achar a mesma coisa, hoje publico uma receita do livro. E sabem porquê? Porque recebi um simpático mail  de uma leitora que comprou o novo livro e que tem muita pena que esta seja uma das poucas receitas que não tem fotografia. (Apesar de termos tentado que as fotografias de todas as receitas fossem incluídas, há cerca de 35 receitas das mais de 300 do livro que não têm foto). Por isso, aqui fica uma foto e uma receita do novo livro. Para agradar à leitora - e os restantes leitores - e para abrir o apetite a quem "ainda" não tem o livro.

Ingredientes para 2 pessoas:
(in "Cozinhar, Celebrar e Partilhar" pág, 177)

200g de carne de vaca cozida
1 medida de arroz basmati - para 2 pessoas
50g de ervilhas
1 cenoura pequena
100g de feijão verde
½ pimento vermelho
1 cebola
2 dentes de alho
1 pedacinho de gengibre (2cm)
1 pau de canela
1 colher de chá de cominhos
1 colher de chá de curcuma (açafrão das índias)
1 colher de chá de coentros em pó
Sal e pimenta q.b.
Coentros frescos picados
Azeite q.b.

Preparação:

Leve uma panela ao lume com um pouco de azeite e junte a cebola, os alhos e o gengibre picado. Deixe refogar um pouco e acrescente as especiarias deixando fritar um pouco. Junte depois o arroz e envolva bem. Acrescente as ervilhas, a cenoura e o pimento em cubinhos, o feijão verde em pedaços e a carne de vaca também partida em cubos. Acrescente 2 medidas de água, tempere de sal e pimenta e deixe cozinhar tapado, em lume brando.
Quando o arroz estiver cozido retire para o prato de servir espalhando-o com a ajuda de um garfo para separar os grãos de arroz. Polvilhe com os coentros picados e sirva.

Bom Apetite!

quarta-feira, abril 18, 2012

Conchinhas com Molho de Requeijão, Bacon e Ervilhas e um Agradecimento

Antes da receita é tempo de agradecer a todos pelas maravilhosas palavras e mensagens que têm deixado acerca do "Cozinhar, Celebrar e Partilhar". Fico muito contente em saber que estão a gostar e agradeço do fundo do coração todo o apoio e consideração!  Aproveito também para esclarecer algumas dúvidas que tem surgido acerca do livro: pode ser comprado na vossa livraria habitual, online, através da Fnac ou de outros sites como o Wook e ainda em hipermercados como o Continente. E a outra dúvida que tem surgido é acerca das receitas do livro. A grande parte das receitas (cerca de 2/3) são receitas novas que nunca foram publicadas aqui no blogue (e que também não faço intenções de publicar aqui), portanto o livro não é uma cópia do blogue como muitos me questionaram.Se estavam com dúvidas se deviam ou não comprar o livro, espero que tenham ficado esclarecidas. Sendo assim, passo à receita de hoje: uma massa, simples e rápidas para todos os dias, momentos e disposições.

Ingredientes para 2 pessoas:

175g de massa de conchinhas (ou outra massa curta)
6 fatias de bacon
200g de ervilhas congeladas
1 colher de sopa de azeite
75g de requeijão
150ml de natas ligeiras
hortelã fresca q.b.
sal e pimenta q.b.

Preparação:

Leve a massa a cozer em água temperada de sal até ficar al dente.
Entretanto corte as fatias de bacon em tirinhas finas e leve-as a saltear numa frigideira juntamente com o azeite. Deixe cozinhar até o bacon estar crocante. Acrescente depois as ervilhas congeladas e deixe cozinhar alguns minutos, mexendo de vez em quando. Acrescente agora as natas, o requeijão esfarelado e algumas folhinhas d hortelã bem picadinhas. Rectifique de sal e pimenta e deixe o mollho apurar.
Escorra a massa e junte-a ao molho envolvendo bem, Sirva de imediato.

Bom Apetite!

terça-feira, abril 17, 2012

Bolo de Lemon Curd com Mirtilos

Não pode haver dúvidas da abundância de limões que tem havido por aqui. Os que chegam como ofertas generosas e os que vão saindo do limoeiro da varanda que, apesar do seu pequeno tamanho, está a ter uma boa produção e neste momento encontra-se novamente cheio de flor e novo rebentos.
Por aqui fazem-se quase todas as receitas de bolo e bolinhos de limão que se encontram nos livros e nas revistas, e há sempre limonada fresquinha para beber em vez de qualquer outro sumo ou refrigerante.
Entretanto já houve tempo e limões para mais curd de limão. E como são muitas as pessoas que me pergunta o que podem fazer com curd de limão, depois da sugestão do Dip com Morangos, aqui fica mais uma: um bolo com curd de limão. Espero que gostem!

Ingredientes:
(adaptado de Baking Good Food Home Cooking Series - Spring 2012, pág. 59)

175g de manteiga
125ml de iogurte natural
2 colheres de sopa bem cheias de curd de limão (receita aqui)
3 ovos
1 limão
200g de farinha
2 colheres de chá de fermento em pó
175g de açúcar
100g de mirtilos (usei congelados)
140g de açúcar em pó

Preparação:

Numa taça misture a manteiga à temperatura ambiente com o iogurte, o curd de limão, os ovos, a raspa de limão a farinha, o fermento e o açúcar (menos o açúcar em pó!). Com a batedeira eléctrica misture todos os ingredientes até obter uma massa homogénea.
Unte uma forma rectangular de bolo inglês com manteiga e forre o fundo com papel vegetal. Coloque metade da mistura do bolo na forma e polvilhe com os mirtilos congelados terminando depois com o resto da massa do bolo.
Leve a cozinhar em forno pré-aquecido a 180ºC durante cerca de 50 minutos ou até o bolo estar cozinhado.Deixe arrefecer o bolo na forma e só depois desenforme.
Entretanto misture o açúcar em pó com o sumo de limão e cubra o bolo já desenformado e totalmente arrefecido com o icing de limão.

Bom Apetite!

segunda-feira, abril 16, 2012

Limonada Cor de Rosa


Fim de semana em casa e quase sem cozinhar. Sábado de "sorna" e domingo igualmente descansado como há muito não acontecia. E um lanche para dois com direito a uma limonada muito cor de rosa a lembrar a primavera, o verão e momentos felizes. Porque a vida pode não ser cor de rosa mas cabe a cada um de nós tentar pintá-la de cores felizes.

Ingredientes para cerca de 1 litro:

80g de morangos
1 litro de água
4 limões
100g de açúcar em pó
Hortelã q.b.

Preparação:

Lave os morangos e retire os pezinhos. Descasque os limões - apenas a parte amarela - e esprema o sumo.
Num jarro junte o sumo de limão juntamente com o açúcar em pó.
Triture os morangos com a casca de limão e um pouco de água e junte à misture de sumo de limão e de açúcar em pó. Acrescente o resto da água e a hortelã e leve ao frigorífico a refrescar até servir.
Decore com rodelas de limão e de morango.

Bom Apetite!

sexta-feira, abril 13, 2012

Dip de Curd de Limão com Morangos

Aprendi a dar importância às coisas simples. A perceber que há alturas em que não precisamos de nada mais do que um sorriso, de sentir o sol a brilhar na nossa cara, de ver os que amamos felizes, de ler um livro ou ver um filme. Aprendo todos os dias que há coisas tão banais que me dizem tanto: pensar pela minha própria cabeça, tomar decisões conscientes, escolher os meus amigos, ter uma família que me ama, não ter nenhuma doença grave que ponha em risco a minha vida.  Descubro também que não sou a única que tenho estas coisas, mas descubro que, na maioria das vezes sou das poucas que agradece por elas.
Existem à minha volta muitas pessoas que não sabem dar valor ao que têm. Estão tristes e desiludidas porque o chefe as aborrece, porque os filhos andam impossíveis, porque andam com uma dor no braço, porque os amigos não atendem o telemóvel,  porque não têm tempo para elas, porque os pais são chatos, porque o que era bom era ganhar o euromilhões... Na realidade têm emprego, amigos, filhos, pais, trabalho e ocupação, uma dor suportável e passageira no braço e sonhos. Têm tudo (ou quase tudo!) Têm as coisas simples e banais que tantos não têm e lutam por ter: um emprego, amigos, ocupação, filhos, saúde e a família que amam viva e perto deles. As coisas simples, banais e ao nosso lado que tantas vezes nos esquecemos que estão lá!
Como esta sobremesa simples para agradecer as coisas simples da vida.

Ingredientes para 4 pessoas:

1/2 receita de curd de limão (receita aqui)
400g de morangos

Preparação:

Lave os morangos (deixe os pés) e seque-os. Numa tacinha coloque o curd de limão arrefecido e rodeie com os morangos lavados. Leve para a mesa e coma como se de um fondue se tratasse, mergulhando os morangos no curd de limão.

Bom Apetite!

quinta-feira, abril 12, 2012

Bacalhau da Sexta

Uma receita de bacalhau que é uma variante de tantas outras receitas que, certamente, se faz um pouco por todo este país. Uma receita de bacalhau relativamente rápida e que por aqui acaba por ser algo a que recorremos em muitas das sexta-feiras com jantares comunitário. Com uma ou outra variante, dependendo do que cada um de nós tem em casa, mas que é basicamente isto. Ou com pescada em vez de bacalhau, com ou sem alho francês, com batata frita às rodelas em vez de palha. Tudo ao sabor do momento. Mas seja qual for a variante desta base, é sempre o Bacalhau da Sexta.

Ingredientes para 4 pessoas:

500g de migas de bacalhau demolhado e descongelado
1 cebola
2 dentes de alho
1 cenoura grande
1 alho francês
azeitonas pretas q.b.
salsa picada q.b.
400g de batata palha (de compra ou frita em casa)
400ml de molho bechámel (receita aqui)
pimenta q.b.
azeite q.b.

Preparação:

Descasque a cebola e os dentes de alho e pique-os. Corte o alho francês em rodela fininhas e lave bem para retirar toda a terra. Descasque a cenoura e rale-a.
Leve depois ao lume um tacho com um pouco de azeite e refogue a cebola com o alho. Acrescente depois a cenoura ralada, o alho francês e o bacalhau e deixe estufar em lume brando cerca de 15 minutos. Rectifique de sal, se necessário e tempere com um pouco de pimenta. Acrescente ao bacalhau as azeitonas cortadas em pedacinhos,a salsa picada,  a batata palha e metade do molho bechamel. Envolva bem e coloque a mistura num tabuleiro que vá ao forno.
Cubra com o restante molho bechámel e leve depois ao forno já aquecido a 180ºC até ficar tostadinho.
Sirva com uma salada verde.

Bom Apetite!

quarta-feira, abril 11, 2012

Triffle Pascal

Este ano, a minha contribuição para o almoço de Domingo de Páscoa resumiu-se a um triffle. Claro que cozinhei outras coisas, como os habituais folares (e este ano a coisa não correu da melhor maneira, pois entre fornadas de folares bem cozidos, também aconteceram os mal cozidos e os demasiado cozidos....), e também os ovos de salame e os mini-cupcakes de Páscoa.
Mas, dizia eu, para o almoço de domingo de Páscoa em casa dos avós, esta foi a minha contribuição. Ficou bonito e saboroso apesar de, na minha opinião, demasiado doce e até um pouco enjoativo. Mas vale a receita e a sugestão para uma sobremesa rápida e preparada um bocado em cima do joelho. É que na véspera tinha havido jantar de compadres e afilhados cá em casa que eu acho que vai virar tradição!

Ingredientes:

1 torta com recheio de morango (usei de compra, mas podem usar uma torta caseira ou até restos de bolo)
licor de amora ou triple sec ou outro licor a gosto

Compota:
250g de frutos vermelhos congelados
2 colheres de sopa de açúcar
100ml de água

Creme de Pasteleiro rápido:
(adaptado de uma versão de uma receita para a Bimby)
1 ovo + 1 gema
70g de açúcar
casca de limão
300ml de leite
1 colher de sopa de amido de milho (maisena)

200ml  pacote de natas
2 colheres de sopa de açúcar em pó
framboesas ou morangos para decorar

Preparação:

Comece por preparar o creme de pasteleiro. Coloque a maisena num tachinho e dissolva-a com um pouco de leite frio. Acrescente depois todos os outros ingredientes  e leve ao lume, mexendo sempre, até a mistura engrossar. Retire a casca de limão e deixe arrefecer.
Entretanto prepare também a compota colocando os frutos vermelhos congelados num tachinho juntamente com a água e o açúcar. Quando levantar fervura reduza para o mínimo, deixe ferver 2 minutos e retire. Deixe também arrefecer.
Entretanto corte a torta em fatias não muito finas e coloque-as no fundo de uma taça de vidro. Regue com um pouco de licor. Espalhe depois a compota de frutos silvestres sobre a torta e por cima desta coloque o creme de pasteleiro. Leve ao frigorífico.
Antes de servir bata as natas bem frias com o açúcar até ficarem bem firmes e disponha por cima do creme de pasteleiro. Decore depois com as framboesas ou os morangos e sirva.

Bom Apetite!

terça-feira, abril 10, 2012

Costeletas de Porco com Salteado de Couve Roxa e Maçã

Eu sou uma fã de tudo o que tenha a ver com cozinha. Começo a ter uma biblioteca culinária jeitosa, compro algumas revistas e sempre que posso lá estou eu a ver mais um programa de culinária. E é também com base em toda esta informação que as receitas vão surgindo, pois tudo serve para experimentar coisas novas. Não há nada mais aborrecido do que comer sempre as mesmas coisas, não variar a alimentação e não descobrir os sabores que estão ao nosso alcance.
Há uns tempos vi o Gordon Ramsay a preparar um salteado de maçã e couve roxa para servir com umas costeletas de porco. Gostei da sugestão do salteado e a ideia ficou para a próxima vez que fizesse costeletas.
O salteado de maçã e couve roxa é muito simples de preparar e é um acompanhamento diferente para as refeições de todos os dias. Afinal qual é a piada de comer todos os dias as mesmas coisas!

Ingredientes para 2 pessoas:
(adaptado de um episódio de " The F Word"- Gordon Ramsay)

2 costeletas de porco (usei do cachaço)
sal e pimenta q.b.
1/4 de couve roxa pequena
1 maçã
1 colher de sobremesa de vinagre de cidra
azeite q.b.
1 raminho de tomilho fresco

Preparação:

Tempere as costeletas com sal e pimenta e grelhe-as na chapa até ficarem tostadinhas e cozinhadas, mas sem as deixar secar.
Entretanto corte a couve roxa numa juliana não muito fina, e corte também a maçã, sem a descascar em quartos, e depois em fatias finas.
Leve uma frigideira ao lume com um pouco de azeite e deixe aquecer. Junte as maçãs e o raminho e tomilho e deixe saltear 1 minuto em lume forte mexendo sempre. Acrescente depois a couve roxa e tempere com um pouco de sal e pimenta. Deixe saltear, misturando bem e acrescente o vinagre. Não deixe o salteado cozinhar em demasia para não ficar com a maçã e a couve moles.
Sirva o salteado juntamente com a costeleta e, com umas batatinhas ou um pouco de arroz.

Bom Apetite!

segunda-feira, abril 09, 2012

Massa Gratinada com Atum e Legumes

Há tradições que variam de família para família. Tradições que já ninguém liga e que quase ninguém segue. Mas cá em casa há algumas tradições que se vão mantendo. Sexta-feira Santa é sempre dia de peixe e de se preparar uma refeição com ingredientes simples e em conta.
Nesta sexta-feira Santa, houve companhia para o almoço, mas nem por isso a ementa mudou muito. Atum, massa, tomate, cenoura, espinafres, farinha e leite. Com coisas tão simples preparei um almoço singelo e nem por isso menos saboroso. E mais uma vez mantivemos a nossa tradição e os nossos valores.
Simplicidade e ingredientes baratos, que existem em qualquer despensa, fazem também refeições deliciosas e a repetir.

Ingredientes para 4 pessoas:

350g de massa farfale
3 latas de atum
1 cebola
2 dentes de alho
1 cenoura grande
1 lata pequena de tomate pelado
250g de espinafres congelados
azeite q.b.
1 colher de sobremesa de oregãos
sal e pimenta q.b.
molho bechamel (receita aqui)

Preparação:

Descasque a cebola, a cenoura e os dentes de alho e pique-os na picadora ou no robot de cozinha. Coloque depois num tachinho com um pouco de azeite e deixe refogar um pouco. Acrescente depois o tomate pelado partido em pequenos pedaços assim como a calda que se encontra na lata. Tempere com os oregãos, o sal e a pimenta e deixe refogar em lume brando cerca de 15 minutos ou até o molho estar apurado.
Entretanto leve uma panela ao lume com água temperada de sal e, assim que a água estiver a ferver acrescente a massa e deixe cozinhar até estar al dente. Á parte coza também os espinafres e escorra-os bem, apertando-os para libertarem o excesso de água.
Escorra bem o atum e misture-o ao molho de tomate. Acrescente depois a massa e os espinafres cozidos e envolva bem.
Coloque a mistura num tabuleiro que vá ao forno e à mesa e cubra com o molho bechámel.
Leve depois ao forno apenas para gratinar.

Bom Apetite!

sexta-feira, abril 06, 2012

Feliz Páscoa 2012

Estamos agora a celebrar a Páscoa. Cá em casa é dia de amassar os folares e preparar miminhos para depois oferecer aos afilhados, compadres e irmãos.
Na minha Páscoa há cabrito ou borrego, ovos de chocolate, amêndoas e pão de ló com queijo da Serra. Há uma festa à volta de uma mesa com iguarias preparadas a 8 mãos. Agradecemos os momentos e celebramos a Páscoa, a ressurreição e o renascimento. Todos juntos.
Em vez de ovos de chocolate, pão de ló, ou de outra sobremesa, aqui fica a sugestão de uns mini-cupcakes de Páscoa que são perfeitos para oferecer ou levar para casa do anfitrião desta Páscoa para saborear com o café ou com um chá a meio da tarde.
Uma Feliz Páscoa para todos.

Ingredientes para cerca de 18 minicupcakes:
(adaptado de Easy Food, Abril de 2011, pág. 58)

55g de manteiga
115g de açúcar
1 ovo
1 colher de chá de fermento em pó
140g de farinha
50 ml de leite

Cobertura:
55g de manteiga
20ml de leite
200g de açúcar em pó
50g de cacau em pó
amêndoas de chocolate para decorar

Preparação:

Numa taça misture a manteiga com o açúcar e bata muito bem. Acrescente depois o ovo, o leite e misture a farinha peneirada com o fermento. Misture bem.
Divida a mistura por mini-forminhas de cupcakes previamente forradas com caixinhas de papel frisado e leve a cozinhar em forno pré-aquecido a 180ºC durante 15 minutos ou até os bolinhos estarem cozidos. Retire e deixe arrefecer.
Entretanto faça a cobertura batendo a manteiga com o leite, o açúcar em pó e o cacau até ficar uma mistura cremosa.
Decore depois os cupcakes com a cobertura finalizando com as amêndoa, confeites ou outra decoração a gosto.
Para ficar um presente mais mimoso, coloque os mini-cupcakes em caixas de ovos. Por cima coloque uma etiqueta a desejar Boa Páscoa e faça um embrulho bonito.

Bom Apetite!

quinta-feira, abril 05, 2012

Gratinado de Camarão com Espinafres

Já todos nos sentimos decepcionados. Começamos com animo, cheios de boa vontade, damos o nosso melhor e, não poucas vezes, apanhamos um balde de água fria. Não nos sentimos compensados pelo nosso esforço e pela nossa dedicação. Questionamos o sentido das coisas, o nosso trabalho e a nossa forma de encarar a vida. E custa-nos sempre ultrapassar esse momento. Sentir que não vale a pena, que temos azar, que "só a nós" nos acontecem coisas assim, que todos os outros têm mais sorte...  Mas não há nada a fazer senão recomeçar, repetir, e dar a volta "por cima". Enxugar lágrimas, colocar um sorriso e voltar ao ponto de partida.
Gosto de pensar que o universo (Deus, se preferirem) tem maneiras estranhas de compensar as coisas boas com as coisas más, como se ninguém pudesse ter todo o azar ou toda a sorte do mundo. Não sei se será assim, mas todos nós temos de arranjar maneira de dar a volta aos maus momentos (e estas palavras são a minha forma de inspirar a M.!)
E para não haver decepções culinárias, aqui fica uma receita à prova de erros e muito saborosa!

Ingredientes para 2 pessoas:

250g de miolo de camarão
300g de espinafres congelados
1 colher de sopa de manteiga
2 colheres de sopa mal cheias de farinha
300ml de leite morno
sal e pimenta q.b.
noz moscada q.b.
azeite q.b.
2 dentes de alho.

Preparação:

Leve ao lume uma panela com água temperada de sal e assim que estiver a ferver coloque os espinafres e deixe cozer.
Entretanto prepare o molho bechamel: num tachinho leve a derreter a margarina, junte a farinha e deixe cozer um pouco. Aos poucos e poucos vá juntando o leite morno sem parar de mexer, e até a mistura engrossar e ficar homogénea! Tempere de sal, pimenta e noz moscada.
Assim que os espinafres estiverem cozidos escorra-os bem, espremendo-os. Leve uma frigideira ao lume com um pouco de azeite e salteie os espinafres durante alguns minutos. Retire e coloque no fundo de um prato de servir.
Na mesma frigideira coloque mais um pouco de azeite e o alho picado. Salteie depois o miolo de camarão até ficar rosado e coloque-os sobre os espinafres.
Cubra tudo com o molho bechámel e leve ao forno quente (180ºC) a gratinar!
Sirva com arroz ou puré.

Bom Apetite!

quarta-feira, abril 04, 2012

Muffins de Limão com Sementes de Papoila

Mais uma receita com limão...
Não acredito em receitas sem história. Porque desde o momento em que começamos a cozinhar, em que iniciamos uma receita, há sempre algo por detrás dessa acção, há sempre o motivo que nos leva a ir para a cozinha. E, muitas vezes isso chega para uma receita ter história. Para todas as receitas terem uma história.
A história desta receita é singela. Como a maioria das minhas histórias, ou dos meus motivos para fazer uma qualquer receita. Queria uns muffins para o lanche e para acompanhar uma chávena de chá. Começo a pensar o que fazer e fui para a cozinha decidida a fazer muffins de mirtilos. Abro o armário, tiro a farinha, o açúcar e o fermento e vejo uma caixinha cheia de sementes de papoila. Olho de imediato para a mesa da cozinha onde uma enorme taça de limões amarelos está a servir de decoração. Não foi preciso mais nada para mudar de ideias. Estava decidido de que seriam os meus muffins.
E esta, é a história de uns muffins de limão com sementes de papoila…

Ingredientes para cerca de 12 Muffins:
(chávena usada com 250 ml de capacidade)

1 ovo
raspa e sumo de 1 limão
2 colheres de sopa de sementes de papoila
375g de farinha
200g de açúcar
125ml de óleo
125ml de leite
1 colher de chá de essência de baunilha
3 colheres de chá de fermento em pó
açúcar para polvilhar

Preparação:

Numa taça misture a farinha com o fermento, o açúcar, as sementes de papoila e a raspa de limão. À parte misture o ovo com o leite, a essência de baunilha, o óleo e o sumo do limão e junte à mistura anterior sem bater demasiado.
Forre uma forma para queques com forminhas de papel frisados e encha-as até cerca de 2/3 da sua capacidade. Polvilhe com açúcar e leve a cozer em forno previamente aquecido (180ºC) cerca de 25 minutos.
Retire-os depois e deixe arrefecer um pouco.

Bom Apetite!

terça-feira, abril 03, 2012

Bolo Encharcado de Limão

Depois de um sábado agitado onde o nervoso miudinho se instalou, o domingo foi um dia de calma perfeito. Um dia tristonho que, depois de um almoço melhorado, teve direito a cinema em casa,  chá e bolo assim que as primeiras gotas de chuva começaram a cair. Não há domingo de chuva que não fique perfeito acompanhado de bolo.
Escolher o bolo foi simples: os limões continuam em alta cá em casa e a receita foi fácil de decidir. E este foi, sem dúvida dos melhores bolos de limão dos últimos tempos!

Ingredientes:
(in Olive - Fevereiro 2012, pág. 38)

110g de manteiga
180g de açúcar
180g de farinha com fermento
4 colheres de sopa de leite
raspa de 1 limão
2 ovos

Calda:
casca de 1 limão cortada em juliana fina
sumo de 2 limões
75g de açúcar em pó

Preparação:

Numa taça coloque todos os ingredientes para o bolo e bata com a batedeira eléctrica durante 3 minutos até obter uma mistura homogénea e fofa.
Coloque depois a mistura numa forma de bolo inglês previamente untada e forrada com papel vegetal e leve ao forno pré-aquecido a 180ºC durante cerca de 45 minutos ou até o bolo estar cozinhado.
Entretanto prepare a calda misturando o sumo de limão com o açúcar em pó e a casca de limão em juliana. Leve a lume brando apenas para dissolver o açúcar e desligue (não deixe ferver).
Assim que o bolo estiver pronto retire do forno e deixe arrefecer um pouco. Pique-o depois com a ajuda de um palito e deite a calda sobre o bolo.
Desenforme apenas depois de arrefecido.

Bom Apetite!

segunda-feira, abril 02, 2012

Tabuleiro de Frango com Chouriço e Alecrim

Uma receita rápida, "de um tacho só" para começar a semana e o mês. Uma receita para todos os dias: para o jantar durante a semana, mas que também pode ser para um almoço de família ou de amigos no fim de semana. Uma receita para agradecer o apoio, o carinho e as palavras doces e simpáticas que recebi no sábado. Obrigada a todos os que estiveram presentes no lançamento do novo livro e que partilharam e celebraram comigo.

Ingredientes para 2 pessoas:

600g de frango partido em pequenos pedaços
75g de chouriço
4 batatas médias
1 cebola
2 dentes de alho
2 raminhos de alecrim fresco
azeite q.b.
sal e pimenta q.b.
colorau q.b.
50ml de vinho branco

Preparação:

Descasque a cebola, as batatas e os dentes de alho. No fundo de um tabuleiro que vá ao forno e à mesa coloque a cebola cortada em meias luas, os dentes de alho esborrachados e o chouriço cortado em rodelas. Junte depois o frango, as batatas cortadas em gomos e os raminhos de alecrim.
Tempere com sal, pimenta um pouco de colorau e regue com o vinho branco.
Leve ao forno pré-aquecido a 180ºC e deixe cozinhar cerca de 50 minutos ou até ficar pronto e tostadinho.
Sirva com uma salada verde.

Bom Apetite!

Poderá também gostar de:

Related Posts Widget for Blogs by LinkWithin