Coxas de Pato Assado com Laranja e Molho de Soja


Duas semanas de Maria Benedita. E estamos a aprender a viver a 5. Aos poucos já há métodos e rotinas que funcionam para nós. As manhãs ainda são um bocado desorganizadas, e ainda não fiquei sozinha com os 3, uma vez que o mais velho tem ido para o Jardim de Infância com o pai, mas só eu, o António e ela, tem funcionado bem e sem grandes alteração na nossa habitual rotina. As tardes já começam a ser pacíficas, e o final do dia, o jantar, a hora do banho e o deitar não teve grandes alterações ao que já fazíamos.
Muito ajudou chegar a casa e ter refeições semi preparadas ou mesmo prontas, e ter alguma organização e tentar implementar rotinas - ou não alterar muito as já existentes. E não querer nada perfeito, porque a perfeição não existe. Existem dias melhores e mais fáceis e dias piores, com mais birras e outras coisas do género. Mas estamos muito bem nesta aprendizagem de uma família de 5.
Quanto à cozinha... vai andando. A arca já está quase vazia das refeições que deixei adiantadas e semi preparadas, mas também me sinto cada vez mais à vontade em ir entrando na “culinária de todos os dias”, e tenho já cozinhado algumas coisas. Os miúdos continuam a pedir quase todos os dias panquecas e crepes e coisas do género e tenho testado e experimentado muitas receitas novas e diferentes.
E entretanto, para usar umas belas coxas de pato caseiro fiz um assado de domingo. Uma receita simples mas saborosa, que me trouxe também a rotina trivial dos assados ao domingo. Acredito que daqui a pouco tudo será novamente “o normal”.

Ingredientes para 4 pessoas:

2 coxas de pato (pato caseiro coxas enormes - cerca de 1kg)
sal e pimenta q.b.
1 folha de louro
1 laranja
2 colheres de sopa de molho de soja
12 batatinhas tipo primor

Preparação:

Coloque as coxas de pato inteiras num tabuleiro que vá ao forno e à mesa e tempere-as com sal, pimenta e a folha de louro. Regue com o sumo de laranja (pode colocar depois a laranja espremida no tabuleiro do pato) e o molho de soja. Leve ao forno previamente aquecido a 200ºC durante cerca de 2h, 2h30 até o pato estar cozinhado e pele bem tostada.
Entretanto lave bem as batatas e leve-as a cozer em água temperada de sal. Assim que estiverem macias retire-as do lume e corte-as ao meio juntando-as ao tabuleiro onde está o pato para que tostem ligeiramente - coloquei as batatas nos últimos 25 minutos de assar o pato.
Sirva depois o pato assado com as batatas e um esparregado de espinafres.


Bom Apetite!

7 comentários :

  1. Que rica sugestão!
    Beijinhos,
    Espero por ti em:
    strawberrycandymoreira.blogspot.pt
    http://www.facebook.com/omeurefugioculinario
    https://www.instagram.com/marysolianimoreira/

    ResponderEliminar
  2. Anónimo10:05

    Gosto destas ideias simples e despretenciosas!
    O simples tem o condão de trazer o melhor dos ingredientes, e não é preciso complicar em termos de sabores.
    Adoro pato assado, mas faço-o raras vezes, pois leva o seu tempo a assar. Irei ter esta sugestão presente, pois é algo que se faz por si próprio!. Bem... quase, pois tenho que estar a rodar o temporizador do forno (é manual).
    Costuma-se dizer que "cada caso é um caso", e neste caso, as crianças são diferentes, com as suas personalidades. Com a Maria Benedita, é lógico que se estejam a adaptar a uma nova rotina (da bebé, a sua personalidade e horários) e a ajustar à existente. Mas com o "calo"/experiência dos manos anteriores, as coisas irão entrar nos eixos.
    Nestas coisas, não há perfeição nem algo tipo "reportagem de revista", a vida em família é vivida com os seus altos e baixos, com as respetivas adaptações, nada vem com "manual de instrução".

    Um grande beijinho,
    Sara Oliveira

    ResponderEliminar
  3. Parece delicioso, vou experimentar. Beijinho

    ResponderEliminar
  4. Parece tão bom Joana!!! obrigada!
    bjos doces Mel

    ResponderEliminar
  5. Olá Joana
    Onde compra as coxas de pato?

    ResponderEliminar
  6. Que belas coxas de pato. Adorei a receita.
    Nunca vi à venda só coxas... Sempre o pato inteiro, tenho ver se acho.

    Beijinhos,
    Clarinha
    https://receitasetruquesdaclarinha.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  7. Temos aí 'sobras' de pato do arroz do passado fds e calha bem que é coxa/anca. Vamos experimentar esta tua sugestão. Bjinhos :)

    ResponderEliminar

Imprimir