Leite de Coco Caseiro


O post de hoje não era para ser este. Mas depois do pão de ontem, dos comentários aqui e no facebook, e os mails com o pedido da receita de leite de coco feito em casa, eu não poderia ignorar o que me estavam a pedir.
Faço leite de coco em casa, segundo a receita da avó do Miguel, que o faz para preparar tanto a Bebinca (bolo de camadas de Goa), como o seu pudim de coco e algumas receitas de caril. Segundo ela, tem de ser mesmo este leite de coco - principalmente para a bebinca e para o pudim de coco, porque aquele que compramos na lata não resulta tão bem. E foi exactamente por causa dessas receita que o preparei, e que fiquei com o tal subproduto  - o coco que coei - e que preparei o pão de coco de ontem que originou aos pedidos da receita do leite de coco.
Este leite de coco também se pode fazer como alternativa ao leite normal, e sei que há quem esteja interessado na receita exatamente por isso mesmo. Em dietas/restruições alimentares sem aos lacticínios, e em que quem as segue prefere fazer soeu próprio leite - seja ele de amêndoas, coco ou até aveia.
A maioria de leite de coco que se encontra à venda - e não estou agora a falar do leite de coco em lata - mas o que é designado por bebida, é normalmente uma mistura de leite de coco e leite de arroz ou com outras misturas. Sim, esta poderá ser uma alternativa, para além de ficar mais económico.
Fica então a receita do leite de coco, tal qual o faz a avó Filomena para as suas receitas goesas!

Ingredientes:

200g de coco ralado (do normal, que se encontra à venda em pacotes)
1 litro de água.

Preparação:

Ferva a água. Coloque o coco num copo alto, ou numa taça e junte a água a ferver. Deixe em infusão pelo menos durante 30 minutos.
Ao fim desse tempo triture - com a varinha mágica, robot de cozinha ou liquidificador - tudo muito bem. Deixe repousar mais uns 30 minutos e volte a triturar tudo.
Coe o leite de coco e esprema muito bem todo o líquido que se encontra com o coco ralado.
Está pronto a utilizar ou guarde depois o leite de coco num recipiente no frigorífico e use de acordo com as necessidades. Poderá ter necessidade de o mexer, pois tal como o leite de coco de lata, ficará com uma parte mais sólida e outra mais líquida. Com o coco que sobrou, poderá usar para fazer biscoitos, bolachas, o pão de coco que publiquei ontem, barriras de cereais e ainda farinha de coco, tal como explicado na caixa de comentários da receita de ontem por uma leitora.


Bom Apetite!

13 comentários :

  1. Anónimo09:19

    Bom dia Joaninha,
    a partir de agora irei eu própria fazer o meu leite de coco em vez de comprar ainda ontem usei para fazer um batido de morango e aveia.
    Durante quanto tempo posso guardar este leite de coco no frigorífico?
    Beijinhos
    Margarida

    ResponderEliminar
  2. Ultimamente faço mais vezes com o côco seco que costuma haver no supermercado, mas o côco ralado torna-se mais prático! É uma óptima solução para a oferta que há no mercado, além das misturas estão geralmente carregadinhos de açúcar! ;)

    ResponderEliminar
  3. Anónimo10:20

    Bom dia, Joana.
    Agradeço a receita do leite de coco, pois é muito mais económico fazer em casa, seja com o coco ralado seco ou mesmo com o coco inteiro (dá um bocadinho mais de trabalho a preparar o coco: fazer os furos, aquecer um pouco no forno, partir , descascar e ralar). Seja qual for o tipo de coco que utilize, este irá ser feito muito brevemente, pois a sua preparação é muito simples. Um grande beijinho, Sara Oliveira

    ResponderEliminar
  4. Que excelente dica, Joana :) Obrigada!

    ResponderEliminar
  5. Anónimo10:41

    Bom dia,

    Parece prático e simples, para além de se tornar mais económico e saudável.

    Gostaria de saber se é possível congelar tanto o leite como o côco que sobra para utilizar posteriormente.

    Ou é fazer e utilizar logo?

    Obrigada.

    Sandra Martins

    ResponderEliminar
  6. Por vezes também faço o leite de coco em casa, mas uso o coco ralado a olho, apenas media a água atendendo à quantidade de líquido que preciso obter no final. Apenas trituro uma vez, nunca me ocorrer esperar e voltar a triturar. Assim, extrai-se mais sabor, vou experimentar.

    ResponderEliminar
  7. essa referência à bebinca deixou-me água na boca...

    ResponderEliminar
  8. Mais económico e mais saudável. Fantástico Joana.
    Bjinhos!!

    http://bimbysaboresdavida.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  9. Anónimo23:17

    Eu faço assim mas apenas com 80g de côco ralado. Nunca mais comprei!

    ResponderEliminar
  10. Olá Joana!

    Seria possível publicar uma receita de bebinca? =) É que cá em casa adoramos mas não encontramos uma receita que nos agrade o suficiente!
    Obrigada!!!

    ResponderEliminar
  11. Esta receita vai já directa para a pasta das "receitas a fazer em breve"! :) Obrigada, Joana!

    ResponderEliminar
  12. Olá Joana, fiquei com uma dúvida: é que nesta receita tritura tudo, mas na do pudim, quando refere como se faz o leite de côco diz "Devem fazer o leite de coco à maneira tradicional, utilizando para 1 litro de água a ferver 200gr de coco ralado que se deixa em infusão até arrefecer. Depois é só coar e utilizar o líquido daí resultante!".
    Afinal trituramos com o côco ou coamos o côco e aproveitamos só o líquido da infusão?
    obrigada!

    ResponderEliminar
  13. Estou a experimentar pois oiço falar, mas nunca fiz em casa. Uso leite de côco nos mariscos e lulas. É ótimo. Também uso óleo de côco...é mais saudável do outros óleos.

    ResponderEliminar

Imprimir