Camarões Grelhados com Bacon


Um dia não são dias. E há vários dias que me andava a apetecer comer uns camarões grelhados com bacon. Confesso que já não comia nada assim há algum tempo. Comprei o camarão e aguardava um dia mais descansado para os preparar, de preferência ao fim de semana.
Normalmente os nossos jantares são um bocado caóticos e atribulados. Jantamos os 4 à mesa. Ou melhor o António já comeu a sua sopa e fruta e lá para as 20h30 começa a dar sinais de que quer ir dormir. O Zé Maria come ao mesmo tempo que nós, mas acabamos a ter que lhe dar quase tudo na boca. Pelo meio levantamo-nos 20 vezes. Porque falta a colher, porque o Zé quer água, porque falta a fruta, porque me esqueci da taça, porque é preciso mais um guardanapo, porque caiu comida… Tentamos jantar mais cedo para que lá pelas 20h30 já o jantar esteja despachado para todos e enquanto o pai dá os banhos e os põe a dormir eu arrume a cozinha.
Mas tudo isto significa sempre que nós jantamos um bocado a correr sob pena de eles começarem a ficar mais rabugentos e de começarem as birras mais a sério. Jantarmos depois deles não faz sentido. O jantar é a refeição da família, quando finalmente temos disponibilidade de estarmos todos juntos, de conversar e partilhar a mesa. Sei que nem todos partilham deste opinião de jantarmos em família com crianças pequenas, para para nós não faz sentido as crianças comerem primeiro para nós jantarmos depois de eles estarem a dormir… Porque queremos desde cedo incutir-lhes este hábito de que as refeições (o jantar, pelo menos) são momentos para a família estar junta e para podermos conversar sobre o nosso dia. Se assim não for, quando é que termos tempo durante a semana para tal?
Mas voltando aos camarões. Este pitéu merecia um jantar mais calmo do que o habitual. Sem os miúdos a rabujarem com sono, a podermos comer devagar e a conversar. Era sábado. Decidimos dar o jantar aos miúdos, tratar deles e só depois jantarmos nós. Um dia não são dias. Nem os camarões são para todos os dias, nem faz mal por um dia jantarmos depois de os miúdos irem para a cama….

Ingredientes para 2 pessoas:

12 camarões grandes
12 fatias de bacon
sal e pimenta q.b.
1 dente de alho
1 colher de sopa bem cheia de manteiga
sumo de limão q.b.

Preparação:

Descasque os camarões cuidadosamente deixando a cabeça e a ponta do rabo. Com uma faca afiada retire a tripa cortando cuidadosamente sem danificar a carne do camarão. Tempere depois um uma pitada de sal e pimenta e reserve.
Enrole depois cada camarão numa fatia de bacon e prenda com um palito. Leve os camarões a grelhar numa chapa ou grelhado bem quente, de modo a que o bacon fique crocante e os camarões cozinhados.
Prepare um molho simples de manteiga para pincelar os camarões: derreta a manteiga com o deite de alho picadinho e acrescente um pouco de sumo de limão a gosto. 
Assim que os camarões forem ficando grelhados e os for colocando no prato de servir, pincele-os com um pouco do molho de manteiga.
Sirva de imediato.


Bom Apetite!

7 comentários :

  1. Esta receita, merece bem ser degustada com calma

    http://vinhosecompanhias.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  2. Anónimo09:44

    Este petisco precisa de calma, não só para preparar como para apreciar! Para fazer num dia de mais calma, pois mesmo não tendo crianças, os dias são muito atribulados e o tempo é escasso.
    Um grande beijinho, Sara Oliveira

    ResponderEliminar
  3. Fantástico!
    Adorei as receitas da revista Activa. Mal a recebi já fiz para o jantar as pataniscas de courgete e atum. que delícia! :)

    ResponderEliminar
  4. Olá olá... Há tanto tempo que ando para escrever e hoje não resisti. Jantar com as criancas é uma boa opção... Por aqui tb nos acontece tudo igual... Mesmo, por vezes (quase sempre) vivermos momentos caótico... No final compensa... Até porque o deitar por vezes atrasa e muito provavelmente já não teríamos grande apetite... Bom... Resta servir aqui tb estes camarões. Muitas felicidades

    ResponderEliminar
  5. Olá! Não desesperes com os jantares com miúdos pequenos. São 2/3 anos caóticos mas depois e de repente tudo entra na normalidade, eles irão comer convosco, com maneiras, a saber conversar em família... E exsitiram sempre dias em que parece que tudo corre mal ao jantar (comida que caí, água entornada, talheres trocados ou preferenciais, etc...) mas faz parte e é tudo o que mais desejamos. E faz muito bem por vezes trocar as voltas à família para dar espaço ao casal. Só assim se sobrevive à loucura de construir uma familia feliz :)

    ResponderEliminar
  6. Nós fazemos o mesmo, sempre jantámos juntos em família, precisamente por achar que é um hábito super importante de partilha. E não, não é fácil. Tenho 2 filhos de 3 e 5 anos, manter os dois sentados à refeição inteira é um desafio! Como só damos banho depois, antigamente comíamos as 19:30 mas desde o início do ano que passamos a comer às 20h.

    ResponderEliminar
  7. ola, o mesmo se passa ca por casa...entre garfadas para mim e garfada para a ines, vams jantando todos juntos.sempre que o meu trabalho o permite que jante em familia :)estes camaroes parcem uma delicia. beijinhos
    http://www.ingredientes.pt/

    ResponderEliminar

Imprimir