Assim foi 2015


Parece que foi assim de repente, num abrir e fechar de olhos que chegamos ao fim de 2015. E é, portanto altura de fazer balanços.
Todos, os finais de ano, sento-me a refletir sobre o ano que passou. O que concretizei, o que ficou por fazer, o que alcancei, das coisas que me despojei… As conquistas, os desastres, as felicidades e as infelicidades. As mágoas e as alegrias.
Pego na minha lista dos 12 “desejos” que escrevo para o ano, e vejo o que consegui ou não atingir. Risco o que foi concretizado e volto a desejar o que não consegui, escrevendo-o novamente na lista de desejos para o ano que começa. Analiso, penso, e em alguns casos pergunto se vale a pena, o que devo alterar, o que devo permitir-me desejar. 
Este ano trouxe-me o melhor e também o menos bom. Foi no último dia do primeiro mês do ano que a avó partiu. Acho que já estava cansada da situação em que estava. Cansada de viver assim, numa vida que às vezes já nem é vida, apesar dos nossos mimos constantes. Partiu porque tinha chegado a hora dela, mas deixou-nos um vazio enorme. Quem a conheceu sabia que não havia ninguém mais bondoso do que ela. E a minha querida e doce avó vai-me sempre fazer muita falta - mas eu sei que ela estará sempre comigo. Acho que 2015 começou por me trazer a perda mais dolorosa até hoje!
Mas quase ao mesmo tempo das coisas muito tristes, a maior felicidade veio também. Aperceber-me que vinha um novo bebé a caminho foi a descoberta mais maravilhosa de sempre - que só tive pena de não ter tido oportunidade de partilhar com a avó! Depois de anos de luta contra a infertilidade e da dificuldade em conceber o Zé Maria, descobrir que estava grávida do António, assim quase sem contar, foi o melhor do meu 2015.
Depois destes dois grandes acontecimentos que marcaram o meu ano, tudo o mais foi de menor importância e o ano passou a correr.
Uma nova casa, obras durante 4 meses. A mudança já nas 30 semanas de gestação. Depois disto as férias, e no regresso o segundo aniversário do meu rapazinho Zé Maria e menos de uma semana depois o nascimento do António.
Do final de Setembro ao Natal, foi um pulinho. Pelo meio fiz 37 anos. E hoje, chega ao fim 2015. E assim se resume mais um ano.
Na cozinha, foi um ano cheio de aventuras: experimentar novos alimentos e novas receitas. Continuar a diversificação alimentar do Zé Maria evitando açúcar e alimentos demasiado processados. Aprender coisas novas. Tentar melhorar as minhas fotos.
Pelo meio ainda preparei um novo livro de culinária que deverá sair durante o mês de Março. E que aventura isto foi! Preparar um livro tendo 2 bebés em casa não é tarefa para todos, e houve alguns dias de verdadeiro desespero, principalmente naqueles em que foi preciso cozinhar e testar cada uma das muitas receitas que o compõem.
Talvez por tudo isto o meu 2015 tenha passado tão depressa. Os anos passam depressa quando estamos empenhados em viver a vida, ocupados com o que nos faz feliz, a querer aproveitar cada bocadinho daquilo que a vida nos dá. Pelo menos eu penso assim.
Talvez por isso deixe quase sem registo as coisas que me aborrecem. Os anos têm-me ensinado a deixar de dar valor a quem não merece, e ao que não merece. A quem diz mal (impossível agradar a todos), a quem finge ignorar (mas que sabe tudo o que se passa)e a quem não dá valor e finge não conhecer (porque acham que são melhores - e provavelmente até são!)

Meus queridos leitores: desejo-vos o melhor do mundo, e um ano de 2016 cheio de esperança, alegria, saúde e felicidade.
E agradeço-vos, do fundo do coração, todas as visitas, comentários, palavras, likes, incentivos e mails durante este 2015. Espero poder continuar a ser merecedora das vossas visitas, e a conseguir de alguma forma inspirar-vos a cozinhar e a darem o melhor de vocês - de barriga no fogão e à volta da mesa - aos vossos, àqueles que amam.

Que tenham um Feliz 2016! Boas entradas a todos!

25 comentários :

  1. Feliz 2016! Votos de muita saúde e muitos sucessos! Bjinhos

    ResponderEliminar
  2. ... Amén!... (que assim seja...) Um Bom Ano Joana... cheio de conquistas... para si e para "nós"!... ;)
    Dina.

    ResponderEliminar
  3. Fantástico!! Bom 2016 :-). Rosa Pinto

    ResponderEliminar
  4. Fantástico!! Bom 2016 :-). Rosa Pinto

    ResponderEliminar
  5. Votos de um excelente ano 2016, cheio de conquistas pessoais e profissionais : )E obrigada pelo maravilhoso Blog :)
    Beijinho,
    Mafalda
    http://cucasandcookies.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  6. Bom ano Joana! E continua a inspirar-nos com tantas ideias fantásticas. Beijo

    ResponderEliminar
  7. Foi muito bom acompanhar mais um ano teu e da tua família! Que 2016 te traga também muita felicidade :)

    Um grande beijinho e obrigada por tudo o que partilhas aqui!

    ResponderEliminar
  8. Desejamos-lhe um excelente 2016, com muita saúde e paz.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  9. Um feliz ano Joana

    ResponderEliminar
  10. Votos de um feliz Ano Novo!! Bjinhos

    Tânia Tiago
    Bimby & Sabores da Vida

    ResponderEliminar
  11. Anónimo16:39

    Um bom ano cheio de amor, saúde e muita inspiração! Um grande beijinho, Sara Oliveira

    ResponderEliminar
  12. Anónimo19:15

    Olá Joana,
    Agradeço, e devolvo em dobro, os Votos de Feliz Ano Novo.
    Tudo de bom é o que desejo.
    Parabéns pelo próximo livro... :-)
    Bjs,
    Teresa C.

    ResponderEliminar
  13. Anónimo11:45

    Bom Ano Joana! Cheio de coisas boas e muita saúde. Obrigada pela companhia diária e por me ajudar a ser melhor cozinheira. Tudo de bom para si e para os seus, bem haja.
    Sílvia

    ResponderEliminar
  14. Bom Ano Joana! Que 2016 seja um ano cheio de coisas boas. E aguardo ansiosamente pelo novo livro!

    ResponderEliminar
  15. Um bom ano Joana. Beijinhos para todos

    ResponderEliminar
  16. Querida Joana, tudo de bom para ti e toda a tua família neste Novo Ano e fico a aguardar esse novo livro com curiosidade :) Bjinhos e que o Novo Ano nos traga o que de mais importante precisamos!

    ResponderEliminar
  17. Bom ano 2016, com tudo o que desejas e acima de tudo, com muita saúde :)
    Gulosoqb

    ResponderEliminar
  18. Bom ano Joana repleto de momentos felizes com a sua família, que acompanhamos como se fosse da nossa também. Obrigada por repartir connosco as alegrias, tristezas e tantos ensinamentos ... Aguardo o novo livro para juntar aos outros (tenho todos e Consulto com regularidade).
    Bem haja!
    Tudo de bom para si e para os seus. Beijinhos

    ResponderEliminar
  19. Anónimo10:42

    A perda de alguém é sempre como um pedaço que nos foi tirado, muito difícil de aceitar tal situação! Sei isso por experiência própria, já com várias pessoas: avós, tios e pais. Porque também já lá vão os meus trinta e sete anos com mais vinte. Mas os três filhos e uma neta, dão a doçura para suportar todas as outras amarguras. A vida é sempre uma mistura de amargo e doce não é verdade? E por falar nisso: obrigada pelas boas receitas, faço votos que continue com essa inspiração, e que tenha um ano muito bom!

    ResponderEliminar
  20. Um feliz 2016 para si :) gosto deste seu cantinho.

    ResponderEliminar
  21. Along with will probably enable you to retail outlet good year round not simply pertaining to a number of days it would seem the idea calories have been all the rage with recent a Ageless Alpha long time and also inside numerous dieting programs that is challenging to be able to enter ones supermarket and get the food pack product or service the item does not .

    http://www.healthybeats.net/ageless-alpha.html

    ResponderEliminar

Imprimir