Arroz de Curcuma com Pato Assado


Das últimas vezes que fui ao supermercado lá estavam umas pernas de pato, naqueles pacotes leve 2 pague 1, por aproximação de fim de prazo de validade. De imediato peguei numa embalagem e de imediato lembrei-me de fazer um arroz de pato assado, mais rápido que o habitual e perfeito para um jantar de semana.
E assim fiz. Mal cheguei a casa, cozi as pernas de pato e guardei-as depois de cozidas - juntamente com o caldo de cozedura - numa caixa no frigorífico, e fiz o arroz um ou dois dias depois, num jantar que acabou depois por não demorar mais de 40 minutos a fazer.
Apesar de não ser bem comida de Verão, como aqui em Coimbra os dias têm estado bastante cinzentos e o calor não é tanto como habitualmente nesta altura do ano, a refeição foi muito bem recebida.

Ingredientes para 2 pessoas:

1 chávena (225ml) de arroz (de preferência vaporizado, que aguenta melhor a consistência para ir ao forno sem ficar espapaçado)
2 pernas de pato
1 colher de chá bem cheia de curcuma (açafrão das índias)
2 cebolas pequenas
1 cenoura pequena
2 dentes de alho
1 raminho de coentros
sal e pimenta q.b.
azeite q.b.

Preparação:

Leve as pernas de pato a cozer num tacho com água temperada de sal e aromatizada com 1 cebola, a cenoura descascada e um pouco de pimenta. Deixe cozinhar até o pato estar macio. Retire e reserve, cortando as pernas de pato ao meio (ou seja separando a perna da coxa) e reservando o líquido previamente coado.
Pique depois a outra cebola com os dentes de alho e leve ao lume com um pouco de azeite, deixando fritar. Junte depois a curmuma e o arroz e envolva bem, deixando depois fritar uns minutos. Acrescente depois o dobro da quantidade do arroz (2 chávenas) do caldo de cozedura do pato, um pouco de coentros picados, envolva bem, tape e deixe cozinhar em lume brando, até a água do arroz estar quase toda absorvida. Ainda antes de o arroz estar totalmente cozinhado, retire-o do tacho e coloque-o numa assadeira. Por cima disponha as pernas de pato cortadas e com a pele virada para cima, e leve de imediato ao forno previamente aquecido a 180ºC durante cerca de 15 minutos, até o arroz acabar de cozer e a pele do pato estar tostadinha.
Antes de servir polvilhe com os restantes coentros picados.
Acompanhe com legumes ou uma salada.


Bom Apetite!

4 comentários :

  1. Anónimo10:02

    Que rico arroz! Vinha mesmo a calhar para o almoço!
    Adoro arroz de pato, mas raramente o faço, tanto pela falta do dito em casa, como pela "pré-preparação" do mesmo. Quando tenho em casa, acabo por marinar a carne (de um dia para o outro) e asso no forno (pato em pedaços). Quando lembro, faço um caldo com os ossos/carcaça/restos do assado. Neste caso, quando há sobras, aparece um arroz de pato um pouco aldrabado!
    No entanto, gosto da ideia e acho que poderá ser feita com frango. Será uma forma diferente de arroz de frango, ou pato, consoante o que houver em casa ou o apetite do momento.

    Um grande beijinho,
    Sara Oliveira

    ResponderEliminar
  2. Mas que belo arroz amiga e bem rápido, há muito que não como ato(o marido não é grande apreciador).
    E esse toque de açafrão deve ser mesmo uma maravilha, bjokitas

    ResponderEliminar
  3. Que belo arroz :) gosto muito de curcuma e com esse pato assado parece uma delícia.
    Ps: também compro sempre produtos em aproximação do fim do prazo de validade. Poupa-se bastante ;)
    Beijinhos

    ResponderEliminar

Imprimir