Conserva de Pêssegos

Uma pessoas parece repetitiva a falar dos pêssegos e das ameixas, mas tenho tantos que vêm ora da quintinha dos avós, ora das árvores de fruto dos sogros, que tudo é motivo para os utilizar.
Desta vez lembrei-me de testar os pêssegos numa conserva. Vi várias receitas, mas acabei por adaptar mais ou menos de acordo com o nosso gosto pessoal.
Esta é uma boa maneira de aproveitar fruta, principalmente se não apreciam compotas e se gostam de utilizar fruta em calda. Confesso que raramente compro uma lata de fruta em calda, mas estes, caseiros e preparados aqui terão certamente um fim diferente em receitas e outros sugestões.
Para quem também não sabe o que mais pode fazer com os pêssegos em excesso, aqui fica mais esta ideia.
Bom fim de semana.

Ingredientes:

8 Pêssegos grandes e ainda firmes
500ml água
250g açúcar
1 Vagem baunilha
1 Pau de canela

Preparação:

Lave bem os pêssegos e coloque-os numa taça. Verta sobre eles água a ferver, deixe ficar alguns segundos e pele-os depois cuidadosamente mantendo-os inteiros. Corte-os depois ao meio e cuidadosamente retire o caroço sem danificar a polpa do fruto. Reserve.
Leve uma panela grande ao lume com a água, o açúcar, o pau de canela e a vagem de baunilha previamente aberta e com as sementinhas raspadas. Deixe levantar fervura e acrescente os pêssegos cuidadosamente. Conte depois 15 minutos e deligue o lume.
Coloque depois as metades dos pêssegos em frascos previamente esterilizados e encha depois os frascos com o líquido da cozedura dos pêssegos. Feche bem e deixe arrefecer completamente.
Coloque depois os frascos fechados numa panela e encha com água até ¾ da altura dos frascos. Leve ao lume e deixe levantar fervura. Conte 10 minutos. Desligue depois a panela e deixe arrefecer os frascos completamente dentro da água. Retire, rotule e guarde na despensa até necessitar.(Este processo vai pasteurizar e criar vácuo nos fascos permitindo que os possa guardar durante alguns meses ou até um ano, na despensa.)
Use depois como fruta em conserva normal.

Bom Apetite!

11 comentários :

  1. Nem de propósito, tive que apanhar todos os pêssegos da minha árvore no sábado e no fim de semana foi um tal fazer coisas com pêssegos, entre as quais uns pêssegos em calda, parecidos com estes e que ficaram muito bons!

    ResponderEliminar
  2. Anónimo14:22

    Joana, Sigo o seu blog à bastante tempo, dou os parabéns pela sua dedicação e carinho.
    Um grande obrigado pela ajuda e inspiração para o meu planeamento semanal de refeições.

    Permita que lhe coloque uma pergunta- Esta compota pode ser feita com peras ou maçãs?

    Um beijinho
    Isabel maria

    ResponderEliminar
  3. Uma caixa de pessegos la em casa!!! Mais uma boa ideia...Será que se pode fazer sem usar a vagem de baunilha??

    ResponderEliminar
  4. Joana, adorei esta receita. É uma boa maneira de poder comer os pêssegos do quintal durante o ano todo. Excelente!

    Isabel Gomes

    http://osmeusremedioscaseiros.blogspot.com

    ResponderEliminar
  5. É uma ótima maneira de conservar a fruta. Costumo fazer isto com as cerejas também.
    Obrigada pelas suas receitas maravilhosas! :)

    ResponderEliminar
  6. Este ano também tive imensos pêssegos, e foi necessário preparar e conservar das mais diversas formas, mas infelizmente já não fui a tempo de fazer esta conserva, fica para o próximo ano :)

    ResponderEliminar
  7. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  8. Que ideia fantástica... pena os pêssegos por aqui já foram... agora são as pêras... será que dariam para utilizar esta receita?

    ResponderEliminar
  9. Boa sugestão...haverá pêssegos todo o ano

    ResponderEliminar
  10. Quais serão os melhores pêssegos para conservar, os amarelos (de roer) ou os vermelhos?

    ResponderEliminar

Imprimir