Molho de Rúcula e Caju para Massas



A rúcula do jardim cresce a olhos vistos. Temos usado em saladas diversas.

Mas outra coisa em que adoro usar a rúcula é neste molho. Um dos meus preferidos para massas, uma espécie de pesto que acho que ainda gosto mais do que a versão de pesto original.

Este frasquinho, feito com muito amor e com a rúcula do jardim foi para presentear uma pessoa especial.

Porque adoro oferecer mimos de comer. E não há nada mais querido do que oferecer algo que plantamos, colhemos e transformamos com amor!

Se nunca experimentaram, deixo-vos a ideia para usarem em saladas frescas de massa no verão!


Ingredientes:


100g rucula

3 dente de alho

75g de caju

Limão

Sal e pimenta q.b.

80ml de azeite


Preparação:


No copo da varinha  mágica ou no robot de cozinha  coloque a rúcula devidamente lavada e bem seca, tempere de sal e pimenta. Junte o caju, o azeite, a raspa de limão e sumo de meio limão  e os dentes de alho, e triture até obter uma pasta homogénea. Se necessário, junte um pouco mais de azeite.

Sirva envolvendo em massa e juntando um pouco do líquido da cozedura da mesma para ajudar a soltar. Se gostar junte um pouco de parmesão ralado na hora.


Bom Apetite!


Robalo com Molho de Azeite, Alho e Coentros (Sobras)



Apesar de normalmente dosear mais ou menos a comida, e de nunca ter demasiada sobras, às vezes isso não acontece.

Este fim de semana que passou, éramos muitos à mesa e acabamos por grelhar mais peixe do que seria necessário e sobraram 3 robalos grandinhos e é claro que nada se desperdiça ou estraga. O peixe foi acondicionado no frigorífico e transformado no dia seguinte para o jantar de todos.

Na verdade é umas forma de transformar sobras de peixe de modo a serem consumidas noutra refeição. Serve não só para robalo ou douradas, mas para outros peixes.

O que importa mesmo é não desperdiçar!


Ingredientes:


Sobras de 3 robalos grelhados 

100ml de azeite

6 dentes de alho

1 molhinho de coentros frescos q.b.


Preparação:


Limpe os robalos de peles e espinhas e separe-os em lombinhos. Coloque num prato de servir.

Entretanto descasque e lamine os dentes de alho e leve-os a aquecer juntamente com o azeite em lume muito brando para amolecer os dentes de alho mas não o fritar ou ficar queimado. Deixe depois alguns minutos em infusão.

Verta depois o azeite ainda morno sobre as sobras de peixe e termine polvilhando generosamente com os coentros frescos picados.

Sirva com batatinhas a murro ou arroz e uma salada.


Bom Apetite!


Arroz Basmati de Cardamomo e Limão



É talvez um dos acompanhamentos mais comuns e banais de todos os dias. O simples arroz branco. Há quem coloque cebola e alho. Há quem coloque louro. Há quem só ponha alho e um bocadinho de salsa como fazia a minha avó. 

Arroz branco, será sempre arroz branco!

Mas e quando podemos aromatizar o arroz branco? Principalmente o arroz basmati, que tem um sabor mais aromático? Juntar uma especiaria um grão, uma raspa de citrinos, uma erva aromática!

Este arroz aromatizado é apenas uma ideia de como podem fazer uma outra versão de arroz branco e surpreenderem a família juntamente com um assado simples.

Aqui em casa todos gostam!


Ingredientes:


1 cebola

2 dentes de alho

2 casquinhas de limão

4 grãos de cardamomo

azeite q.b.

sal q.b.

1 chávena de arroz basmati

1,5 chávenas de água

 

Preparação:

 

Pique a cebola e os dentes de alho e leve-os ao lume, num tacho juntamente com um pouco de azeite. Acrescente depois o arroz, as cascas de limão e os grãos de cardamono previamente esmagados. Envolva tudo bem no refogado.

Acrescente depois a água, tempere de sal e deixe levantar fervura. Tape, reduza o lume para o mínimo e deixe cozinhar sem mexer até a água evaporar. cerca de 15 minutos.


Bom Apetite!

Entrada para Partilhar de Salmão e Queijo Creme



Adoro receber pessoas em casa. Adoro o convívio e a partilha à volta da mesa. 

Se há uns anos atrás adorava fazer tudo em fingir food e doses individuais (e ainda gosto, ok?) actualmente gosto de coisas mais simples e práticas, que permitam tornar a tarefa de receber pessoas ainda mais prazerosa e simples! Numa altura em que vivemos todos a mil, tornar as coisas mais simples é maravilhoso. E poder receber simplificando alguns processos é o melhor dos dois mundos.

Por isso hoje, não é uma receita que trago, mas uma sugestão de um petisco ideal para partilhar e que se coloca na mesa em poucos minutos.

Porque “keep it simple”, é um lema importante!


Ingredientes:


250g de salmão fumado (ou truta fumada)

1 limão

150g de queijo creme

Tostas, crackers ou pão a gosto

Pimenta q.b.


Preparação:


Num parto de servir disponha as fatias de salmão fumado. Bata o queijo creme, tempere-o com uma pitada de pimenta e coloque-o numa tacinha no prato. Junte o limão cortado aos gomos e as crackers ou tostas.

Deixe que cada um se sirva, barrando cada tosta com um pouco de queijo creme, e dispondo por cima um pouco de salmão fumado e regando tudo com sumo de limão.


Bom Apetite!


Batido de Melancia e Morango com Amêndoa



Fim de semana de calor abafado e de nuvens! Mesmo assim não impediu estrearmos as churrascadas e de no sábado termos almoçado no jardim!

Estes dias assim quentes, pedem também bebidas frescas, e nesta altura os obtidos de fruta e leite ou bebidas vegetais, ganham adeptos cá por casa, seja ao lanche ou ao pequeno almoço. Os miúdos adoram e eu também!


Ingredientes para 2 pessoas:


100g de morangos 

150g de melancia (sem casca e sem sementes)

150ml de bebida vegetal de amêndoa


Preparação:


Coloque os morangos lavados e cortados no copo da varinha mágica ou robot de cozinha. Junte a melancia em pedaços e também a bebida vegetal. Triture bem até obter uma bebida homogénea.

Sirva com uns cubos de gelo e eventualmente umas folhas de hortelã!


Bom Apetite!

 


Pesto de Ervilhas e Caju



Há alturas em que algo acontece e que nos faz questionar muitas das nossas decisões e comportamentos. E quando isso nos obriga quase a parar e a olhar para dentro de nós? Quando isso nos obriga a perceber que estamos a perder algum rumo e foco? Que estamos demasiado absorvidos com algumas coisas e que nos ignoramos outras?

E quando o que ignoramos é demasiado importante para ser ignorado e afeta também os outros à nossa volta. Quando estamos mas afinal não estamos. Quando continuamos os dias quase por hábito, num conforto de todos os dias, mas não questionamos o obvio?

Sabem… às vezes estamos tão concentrados em certas coisas que passamos a ser egoístas.

A vida tem maneiras estranhas de nos fazer perceber que há varias maneiras de chegar aos mesmos sítios. E que a maioria dos caminhos, quando são partilhados e acompanhados são sempre mais fáceis de fazer.

Que as coisas que unem as pessoas serão sempre mais bonitas do que as que as afastam!


Ingredientes:


150g de ervilhas congeladas

1 dente de alho

50g de caju

Limão

Sal e pimenta q.b.

50ml de azeite


Preparação:


Coza as ervilhas em água temperada de sal até que fiquem macias.

Deixe-as arrefecer um pouco e coloque no copo da varinha magica juntamente com sal, pimenta, o caju, o azeite, um pouco de sumo e raspa de limão e o dente de alho, e triture até obter uma pasta homogénea.

Sirva envolvendo em massa, ou use para barrar tostas ou wraps ou mesmo frango ou salmão.


Bom Apetite!


Esparguete com Tomate Cereja Assado, Mozzarella e Manjericão



A maneira como comemos muda ao longo do ano. De inverno comemos coisas mais “pesadas” e quentes. De verão, assim que o calor aperta, começam, a apetecer receitas mais frescas e leves. Também muda os alimentos que comemos, De verão é tudo mais colorido e sumarento, como os tomatinhos que fazem parte desta receita!

Esta versão de esparguete tem uma espécie de molho de tomate que na verdade são apenas uns tomatinhos assados e cujos sucos se juntam ao esparguete, formando um molho delicioso. Complementado com outro clássico do Verão: o manjericão.

Espero que gostem, porque esta é uma das minhas favoritas para refeições simples de todos os dias! Para algo mais experimentem juntar presunto fatiado fininho envolvido na massa!


Ingredientes:


350g de esparguete (ou outra massa a gosto)

400g de tomate cereja

Azeite q.b.

200g de mozarellas baby

3 dentes de alho

1 colher de sopa de vinagre balsâmico

Manjericão fresco q.b.

Sal q.b.


Preparação:


Lave os tomates cereja e coloque-os num tabuleiro que vá ao forno e à mesa. Tempere de sal, com os dentes de alho laminados, o vinagre balsâmico e regue com o azeite. Leve a assar cerca de 20m a 180ºC ou até os tomatinhos começarem a ficar amolecidos.

Entretanto coza o esparguete ou outra massa até ficar al dente. Escorra bem e regue com um fio de azeite.

Assim que retirar o tomate do forno, junte a massa envolvendo bem com todos os sucos. Termine com as mozarelas previamente partidas ao meio e o manjericão fresco.


Bom Apetite!


Imprimir