Bacalhau Gratinado com Brócolos


Voltar à minha cozinha depois de duas semanas, é sempre uma aventura. As compras ainda só foram feitas a meio gás, o cabaz de legumes habituais da Dona Rosa só chega esta tarde, e salvam-se o jantar com as coisas que gosto sempre de ter congeladas. Um pacote de brócolos para qualquer emergência e as postas de bacalhau demolhadas e congeladas prontas a usar. (e um pacote de natas ácidas que tinha congelado antes de ir de férias porque acabei por não usar no que estava previsto!) Com quase mais nada saiu o jantar - de forno  e apesar do calor. Porque nesta coisa de voltar às rotinas, aproveitei também para fazer pão e outras coisas que gostamos muito de ter cá por casa. Aos poucos começamos a entrar nos “eixos” apesar de ainda estarmos com a “engrenagem”  no sítio.
E depois de vários pedidos a receita do bacalhau. Tão simples, mas delicioso.



Entretanto aproveito para vos convidar para este Sábado, dia 25 de Agosto, às 17h,  estarem comigo, a Convite da Câmara Municipal de Leiria, no Centro Azul - Biblioteca da Praia de Pedrógão para uma conversa informal acerca de livros e comida e a apresentação do “Família e Amigos à Mesa”. Conto com a vossa presença.

Ingredientes para duas pessoas:

2 postas finas de bacalhau (usei rabo e as badanas laterais)
1 cebola
1 dente de alho
1 folha de louro
azeite q.b.
sal e pimenta q.b.
400g de brócolos (usei congelados) 
150g de natas ácidas (ou natas normais ou outra variedade de natas à vossa escolha)

Preparação:

Coza o bacalhau em água a ferver durante apenas dois minutos. Desligue o lume e deixe mais cinco minutos. Retire, deixe arrefecer e limpe de peles e espinhas. Reserve.
Coza os brócolos a vapor com um pouco de sal. Reserve.
Pique finamente a cebola juntamente com o dente de alho e leve a alourar num pouco de azeite com a folha de louro. Junte o bacalhau desfiado e deixe cozinhar tudo durante uns minutos. Junte depois os brócolos cozidos e, com a colher de pau envolva e parta-os, deixando que se misturem com o bacalhau. Retifique de sal e pimenta e envolva metade das natas ácidas.
Divida a mistura por pratos que possam ir ao forno e por cima disponha as restantes natas.
Leve ao forno previamente aquecido a 180ºC até que fique dourado.
Sirva com uma salada verde.


Bom Apetite!

6 comentários :

  1. Que boa sugestão. Tem aspeto delicioso

    ResponderEliminar
  2. Anónimo10:04

    Gosto destas ideias em que se usa o que há em casa, em que varia o humilde empadadão/gratinado, usando os bróculos (ou outro legume em puré) em vez da tradicional batata!
    Costuma-se dizer que a "necessidade aguça o engenho", e neste caso, usou o que havia em casa, antes do início da "rotina" da organização das refeições e respetivas compras/receção do seu cabaz.
    Gostei da ideia de congelar as natas, pois é algo que uso pontualmente, e muitas vezes esqueço-me delas, deixando passar o prazo.
    Aos poucos, vai entrar na sua "rotina" da organização. Ela já está presente (acho que já faz parte do seu ADN!), ainda que de uma forma "descontraída".

    Um grande beijinho,
    Sara Oliveira

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo10:06

      *PS: ler empadão sff - a vista já está a precisar de férias! Sara Oliveira

      Eliminar
  3. Que sugestão de refeição fantástica,...adorei este prato de bacalhau!
    Beijinhos,
    Espero por ti em:
    strawberrycandymoreira.blogspot.pt
    http://www.facebook.com/omeurefugioculinario
    https://www.instagram.com/marysolianimoreira/

    ResponderEliminar
  4. Adorei e vou experimentar. Super simples. Ah, adoro essa biblioteca na praia de Pedrogão. É pequena, mas muito acolhedora. Que pena não estar a passar férias por lá.

    ResponderEliminar

Imprimir