42 do Miguel


Hoje o meu marido faz 42 anos.
Quando me perguntam porque me dou a tanto trabalho para fazer as festas que normalmente faço, e se isso não me cansa... Quando me falam do trabalho, de ter de arrumar e limpar tudo... eu respondo sempre que temos de aproveitar aquele dia, porque não sabemos o dia de amanhã, porque não sabemos quem pode partir entretanto, porque não sabemos as voltas que a vida vai dar... Ainda em finais de Janeiro, quando a Benedita fez anos tive essa conversa com umas amigas. Que faz mesmo todo o sentido aproveitar para celebrar com os que amamos, todos os momentos que a vida nos proporciona. E é por isso que eu nunca me importo de fazer festas. De ter sempre a casa cheia. De receber amigos e família. De fazer almoços que acabam à meia noite. Nunca me importo com a casa suja, a louça que parece não acabar, com os mil brinquedos espalhados e os legos desmontados...
Nunca me importo porque eu, porque ninguém, sabe o dia de amanhã. Aquele dia em que não vamos poder celebrar juntos. Ninguém sabe se no ano seguinte, se da vez seguinte vão estar todos por cá, se vamos ter todos saúde.
Aproveitar quando podemos para fazer festa, para conviver, nunca fez tanto sentido como agora. O Miguel vai celebrar na mesma os 42. Vai haver bolo e parabéns. Vão haver os telefonemas da família e dos amigos. Vamos estar nós.
E vamos acreditar que para o ano, e nos outros, faremos festa ainda mais rija, porque soubemos que houve um ano em que não pode haver festa. Em eu não podemos juntar no nosso espaço aqueles que amamos. 

Da próxima vez que acharem que uma festa dá muito trabalho, que não querem a casa suja, que é melhor fazer uma coisa mais pequena, lembrem-se de quando quiseram celebrar e não puderam. Vamos aprender mesmo a aproveitar as coisas boas e simples que a vida nos dá. Que é conviver e estar com os outros.


Parabéns Miguel. Que este seja um feliz aniversário, mais calmo, só nós, mas que nunca nos esqueçamos de fazer festa e de celebrar todas as outras oportunidades e momentos.

10 comentários :

  1. Nem mais! Que bela reflexão! Bjinhos, parabéns e tudo de bom! Em breve voltaremos às rotinas :) Bom fds!

    ResponderEliminar
  2. Éramos felizes e não sabíamos é uma frase que não me sai da cabeça. Parabéns ao Miguel. Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Só damos verdadeiro valor às coisas e à VIDA quando não as podemos ter. Parabéns Miguel!

    ResponderEliminar
  4. Bem visto Joana! Tomamos como certo o que de facto, não é! Um feliz dia!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  5. O que está a acontecer por aqui também. A minha caçula hoje festeja o seu aniversário tínhamos uma festa grande já planeada porque deve ser o seu último aniversário na nossa casa para o ano se Deus quiser já estará na sua casa. Mas paciência, estamos todos em suas casas mas com saúde e isso não há festa que pague. Parabéns ao teu Miguel e muita sorte e saúde. Beijinhos

    ResponderEliminar
  6. Un mundo de cosas bellas para tu joven esposo.
    Salud, alegría y serenidad y luego todo lo que es bello y útil.
    Muchos saludos de Friuli Mandi

    ResponderEliminar
  7. Nema mais!...
    Muitos parabéns, Miguel!

    ResponderEliminar

Imprimir