Pão (sem amassar) de Trigo Barbela



Há mais ou menos 1 ano que compro a farinha das Moagens Carlos Valente, moídas em mó de pedra, e de forma artesanal, para fazer o pão caseiro (e algumas outras coisas). Uma farinha maravilhosa, que faz um pão fantástico - e outras coisas tabém, mas que é também preciso aprender a trabalhar, por tem uma margem mais grossa do que a que estamos habituados, e é mais “integral” também.

Andava também com bastante vontade de experimentar uma variedade ancestral de trigo, o trigo barbela, que eles também têm, e entretanto comprei um pacote para experimentar.

Adaptei a receita de pão que faço habitualmente a esta variedade de trigo, e foi mais um pão aprovado e que comemos num instante!


Ingredientes:


500g de trigo barbela

375ml de água tépida

flor de sal q.b.

7g de levedura seca (tipo fermipan)


Preparação:


Numa taça grande colocar a farinha, a levedura seca  e o sal e misturar com a colher de pão. Adicionar a água e misturar novamente com a colher até tudo estar envolvido. (Não é para amassar, é só mesmo para misturar. E a mistura fica meia líquida: é mesmo assim!)

Tapar com um pano ou película aderente e deixar levedar no mínimo 1 hora e no máxima até 24 horas. (Normalmente deixo a levedar umas 6 -8 horas)

Ligue depois o  forno a 220ºC e lá dentro coloque o tacho de ferro, de barro, a ultrapro ou uma até uma panela normal com tampa e sem partes plásticas, sempre com tampa, para aquecer ao mesmo tempo que o forno aquece. Quando o forno estiver na temperatura desejada, retire cuidadosamente o recipiente do forno e polvilhe o fundo com um pouco de farinha. Verta a massa para dentro do recipiente que estiver a utilizar e polvilhe com um pouco mais de farinha. Tape com a tampa e coloque no forno deixado cozinhar cerca de 35 minutos, sempre tapado. Ao fim desse tempo pode retirar a tampa e deixar estar mais uns 5 minutos, se quiser uma crosta mais dourada. (Algumas pessoas referem que fazer o pão assim, o pão agarra um pouco. Depende do utensílio que estão a utilizar. Se receiam que isso possa acontecer, coloquem papel vegetal antes de colocar a massa do pão)

Retire depois do forno, desenforme de imediato e deixe arrefecer sobre uma grelha. Evite cortar ainda quente. (apesar de para amantes de pão ser quase impossível resistir a pão acabado de fazer!)


Bom Apetite!

3 comentários :

  1. Margarida Pardal10:39

    Bom dia, consigo adaptar à MFP esta receita? Obg!

    ResponderEliminar
  2. Muito interessante :) Bjinhos.

    ResponderEliminar
  3. Será que pode partilhar onde se pode encontrar ou encomendar a farinha?
    Desde já, obrigada

    ResponderEliminar

Imprimir