Húngaros


Não há melhor sentimento para quem gosta de fazer cabazes de natal e pequenos mimos de comer do que começar a receber o feedback de quem recebeu esses presentes preparados com tanto carinho, amor e às vezes até algum esforço. Eu já comecei a receber as primeiras mensagens. Que a granola está deliciosa, de o chocolate quente é muito saboroso, que os scones e a compota de pêssegos do quintal fizeram um lanche fantástico, que o molho picante está “pólvora” mas muito saboroso... E recebi também muitos pedidos dos meus amigos menos habituados a estas coisas de blogue e canais de youtube a pedirem-me a receita das bolachinhas que fiz para oferecer.
Este ano fiz várias fornadas de Húngaros para os cabazes, a partir da receita maravilhosa da chef de pastelaria Rita Nascimento que tem um fantástico canal de youtube cheio de receitas de fazer crescer água na boca.
Foi de lá que veio a receita dos húngaros, e confesso que são mesmo maravilhosos (para quem também tem o último livro dela, a receita também lá está!).
E depois de muitos pedidos, partilho aqui a receita. E peço desde já desculpa pela foto, porque a única que se aproveitava já tem as bolachinhas embaladas e prontas a colocar nos cabazes!

Ingredientes para cerca de 30 bolachinhas:

3 gemas de ovo cozidas (cozem-se os ovos e retiram-se as gemas)
75 gr açúcar em pó
100 gr manteiga
50 gr farinha sem fermento
50 gr amido de milho (Maisena)

Cobertura:

80 gr chocolate meio-amargo
5 gr óleo coco 

Preparação:

Comece por bater a manteiga amolecida com o açúcar até obter uma mistura cremosa. Passe depois as gemas por um passador de rede para ficarem bem raladas e misture-as mo preparado anterior para incorporar bem. Junte a farinha e o amido de milho e bata mais um pouco. A massa fica meio granulosa e a melhor maneira de a juntar (se estiver a fazer com uma batedeira de mão) é apertando com as mãos até formar uma bola.
Leve depois ao frigorífico cerca de 20 minutos e após este tempo estique com um rolo da massa e um pouco de farinha para não pegar. Corte com cortadores e coloque num tabuleiro forrado com papel vegetal. Leve ao forno pré-aquecido a 200ºC e coza só até quererem começar a dourar, cerca de 7-8 minutos. Deixe arrefecer completamente.
Para a cobertura derreta o chocolate juntamente com o óleo de coco no microondas ou em banho-maria. Coloque a taça do chocolate sobre uma outra taça com água bem quente, para o chocolate ser mais fácil de trabalhar e não ir ficando rijo e mergulhe as bolachas até metade no chocolate, raspe na borda do recipiente para  retirar o excesso e coloque numa superfície forrada com papel vegetal até o chocolate secar. Deixe secar bem antes de embalar ou guardar.


Bom Apetite!

8 comentários :

  1. Joana, para além das suas receitas as suas fotos são sempre fabulosas! Portanto, não peça desculpas!

    ResponderEliminar
  2. Anónimo10:47

    Olá Joana!
    É sempre bom receber o feedback de quem recebeu os nossos miminhos/cabazes de Natal (colegas de serviço, pessoal do ginásio, colegas "bolacheiras", e é claro, a Joana!).
    Este ano, os húngaros da Rita Nascimento foram escolhidos, a par de outras a pedido (os "esses" de batata doce do Cinco Quartos de Laranja, em forma de rosquinhas/torcidos; e bolachas com pepitas de chocolate), e uma bastante especial que marcou o início da aventura com os miminhos de Natal (bolachas de laranja e noz).
    Não tem que pedir desculpa pela fotografia, pois é complicado uma pessoa lembrar-se de criar um "cenário fotográfico" quando está entre fornadas de bolachas.
    Esta receita é bastante simples de fazer, foi a primeira vez que a fiz, e as gemas cozidas dão o toque especial (é diferente de usar a custarda/"custard powdwer" - já vi em outras receitas de Húngaros - que tem um sabor bastante forte a baunilha). Recomendo as bolachas Spritz, também da Rita Nascimento, pois além de serem fáceis de fazer, lembram aquelas bolachinhas da lata!

    Um grande beijinho,
    Sara Oliveira

    ResponderEliminar
  3. Também já fiz a receita das húngaras da Rita e a receita é infalível. Muito boa para quem aprecia estas bolachas.
    Bjs
    Ana

    ResponderEliminar
  4. Não provei as bolachinhas, mas rendi-me à embalagem =)

    ResponderEliminar
  5. Nice :) Tb fico sempre feliz qd me dizem q adoraram as mhs bolachinhas :) Bjinhos e ñ tens q te desculpar!

    ResponderEliminar
  6. Susy11:42

    Bom dia, as gemas são mesmo cozidas ou é algum termo técnico? Agradeço, desde já! Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo16:01

      Olá Susy,

      Usam- se mesmo as gemas cozidas e passadas por um passador, para ficarem finas. Esta receita está em vídeo no canal da Rita Nascimento, no YouTube.
      Também fiz os húngaros para oferecer no Natal, mas tive que cozer os ovos na véspera, para começar a preparar as coisas no dia seguinte, a seguir ao trabalho.
      Experimente que vale a pena!

      Sara Oliveira

      Eliminar

Imprimir