terça-feira, janeiro 10, 2012

Salada de Rucula com Pinhões e Romã

Gosto de me perder em blogues de culinária que vou descobrindo, e de retornar aos mais antigos que conheço desde sempre. Gosto de admirar as fotografias dignas de uma revista de culinária de qualidade e de pensar que um dia conseguirei fotografar assim (apesar de na realidade saber que isso nunca irá acontecer...). Gosto de tentar ver por detrás das receitas, de imaginar as cozinhas e as cozinheiras e de perceber as motivações que se encontram por detrás de cada um desses blogues. Gosto de conhecer blogues de culinária ou receitas genuínos, em que para além da receita existem histórias verdadeiras, partilhas de vida e pessoas. E como em tudo descubro blogues para todos os gostos, para todas as personalidades, para todas as motivações. Os que escrevem lindamente, os que têm fotografias de cortar a respiração, os que gostam de se mostar, os que são enciclopédias de saber, os que têm receitas maravilhosas e dífíceis de preparar, os que são simples e fáceis com receitas para todos os dias. Os que mostram mais mesas do que receitas, os que têm quase sempre as mesmas receitas. Os que copiam, os que inventam e os que criam receitas de autor. Os blogues que além de receitas falam das viagens, dos mercados e dos restaurantes. Os que se acham superiores à maioria. Os que publicam receitas e fotos com vinhos caros e presentes dispendiosos. Os que tentam ser uma coisa que não são e os verdadeiramente originais e diferentes. E por detrás de todos eles há pessoas que se dedicam, que gostam de cozinhar, que gostam de partilhar. Não há blogues melhores ou piores, bons ou maus. Cada um reflete quem o escreve. Reflete a pessoas por detrás do ecrã. As suas vivências, as suas memórias, a sua personalidade. E em comum  há dedicação, trabalho e gosto pela cozinha. E isso será sempre um ponto de união entre todos. Como esta salada que uniu à mesa pessoas que há uns anos atrás pouco se falavam e que agora são os melhores amigos. Que descobriram que apesar das diferenças são tão iguais e com tantos pontos comuns. Uma união que me tornou uma pessoa melhor.

Ingredientes para 4 pessoas:

150g de rucula selvagem
4 colheres de sopa de bagos de romã
2 colheres de sopa de pinhões
2 colheres de sopa de azeite
1 colher de sobremesa de vinagre balsâmico
sal q.b.

Preparação:

Leve uma frigideira anti-aderente ao lume e toste ligeiramente os pinhões até ficarem dourados. Deixe arrefecer.
Numa travessa coloque a rucula. Salpique com os bagos de romã e com os pinhões tostados.
À parte prepare o tempere misturando o azeite com o vinagre e um pouco de sal. Leve para a mesa e deixe que cada um tempere a salada a gosto.
Esta salada serve como uma deliciosa entrada ou como acompanhamento de carne grelhada ou picanha no forno.

Bom Apetite!

27 comentários:

  1. Gosto imenso de romãs e este ano ainda não me passaram pelo dente hehe. :)
    Tal como tu também gosto de passear pelos blogues e imaginar quem está por trás.
    Gosto imenso de vir ao teu blogue porque além de ver a receita sempre fantástica, leio o teu texto ao qual normalmente concordo a 100%.
    Espero que a tua motivação nunca acabe. :) Beijinhos*

    ResponderEliminar
  2. Que bonito o teu texto amiga Joana...gostei muito...

    Bela a tua salada...bjokiats

    ResponderEliminar
  3. O texto de hoje reflete o pensamento muitas pessoas que amam os blogs, muito bom texto.
    A salada é saborosa e fácil.
    Beijo,
    Vânia

    ResponderEliminar
  4. Adorei ler o seu texto :) Aliás adoro visitar o seu blog e deliciar-me com as suas receitas e vê-se bem a paixão que tem em cozinhar :)

    Esta salada então com romã ... vou ter mm que experimentar :)

    ResponderEliminar
  5. Adorei a caracterização dos blogues, realmente existem todas essas categorias que descreveste :)
    Também gosto de ir à descoberta destes espaços e adoro visitar principalmente os blogues com cozinha simples, do dia-a-dia, mas com fotos de cortar a respiração simplesmente porque um dia adorava tirar fotos assim (embora tenha, como tu, noção de que isso nunca vai acontecer!). E é por isso que gosto de visitar o teu blogue, porque é simples, com receitas de todos os dias. E descobri-o através do teu livro, que a minha prima comprou e me emprestou.

    De volta à comida: adoro romãs e agora que estamos no tempo delas sinto que as devo utilizar sempre que possível, pelo que no outro dia fiz uma salada que tem sido um sucesso entre gregos e troianos:
    http://coentrosrabanetes.blogspot.com/2012/01/melhor-salada-do-mundo.html

    ResponderEliminar
  6. 2 memso desta saladinha que eu estava presisando amiga, adoro estas saladinhas compostas e esta està 5*, parabens

    beijinhos

    ResponderEliminar
  7. Ahhh! Que colorida! Era isso que eu devia comer durante uns dias depois de todos os excessos que fiz nas ultimas semanas!

    Boa semana!

    ResponderEliminar
  8. Olá!
    Pois eu adoro estas viagens pelos Blogs. Quando tem historinhas então.... que bom imaginar as casas da aldeia, as cestas com produtos sem agrotóxicos (uma invejinha desta leitora muito urbana, que infelizmente não tem acesso a essas maravilhas). Apenas discordo quanto à qualidade das fotografias que acho M.A.R.A.V.I.L.H.O.S.A.S. Como se diz no Brasil: continua assim porque "se melhorar estraga"! Beijinhos!
    Carol

    ResponderEliminar
  9. Olá!
    Pois eu adoro estas viagens pelos Blogs. Quando tem historinhas então.... que bom imaginar as casas da aldeia, as cestas com produtos sem agrotóxicos (uma invejinha desta leitora muito urbana, que infelizmente não tem acesso a essas maravilhas). Apenas discordo quanto à qualidade das fotografias que acho M.A.R.A.V.I.L.H.O.S.A.S. Como se diz no Brasil: continua assim porque "se melhorar estraga"! Beijinhos!
    Carol

    ResponderEliminar
  10. Que bonita salada! E que bonito texto e tão verdadeiro. Realmente há blogs para todos os gostos e adoro saltar de blog em blog e descobrir novos cantinhos, pessoas e receitas. Beijinho

    ResponderEliminar
  11. romãs não são muito a minha cara, se tiver que comer como, mas não é fruto da minha preferência.
    curiosamente, assim em salada nunca provei.
    agora, passadas as festas, com o aumento de peso, saladas é tudo o que eu preciso... lol

    ResponderEliminar
  12. É a riqueza e diversidade que torna a comunidade de blogues de comida tão rica e viciante.
    São uma mesa sempre pronta a receber mais alguém, porque nós, enquanto leitores, somos sempre acolhidos com o perfume da partilha. :)
    No No Soup celebrei o Natal com uma salada com as mesmas cores: rúcula da horta, nozes da quinta, lascas de queijo e a cor festiva dos bagos de romã!
    Aproveito para te desejar um 2012 Feliz, cheio de receitas e sempre com lugar para mais um à mesa. :))

    ResponderEliminar
  13. Joana, essa receita com um couscous para um jantar ligeiro deve ser fenomenal!

    ResponderEliminar
  14. Bravo! Excelente análise.
    A julgar pela excelência do seu blog, a Joana deve ser uma óptima pessoa pois, como muito bem diz, cada blog reflecte quem está por de trás.
    Continuação do seu bom trabalho.
    Um beijinho da
    Maria

    ResponderEliminar
  15. Estou com a Ondina no que diz respeito à sua descrição dos blogues.
    Aprecio em todos eles essas singularidades que os distinguem, concordando ou não com o que querem retratar.
    Além de tentar imaginar as cozinhas e as cozinheiras, tento perceber como são as pessoas por trás dos blogues, e é divertido.
    O que vejo no blogue da Joana - Cozinha de todos os dias, de uma pessoa simples, despretensiosa e inteligente.
    E acredite, as suas fotos ficam bem no écran, apesar de não serem como algumas que nós sabemos, mas são genuínas e isso para mim é tudo!
    PS: Bela salada, adoro pinhões.
    Beijinhos


    Beijinhos

    ResponderEliminar
  16. Simples mas realmente deliciosa esta salada. Nós as duas, adoramos romã na salada. Achamos uma combinação perfeita.
    A viagem pelos blogs, faz nos sentar e partilhar da mesa de todos eles, sempre com um sorriso nos lábios.
    Beijos Margarida e Carolina
    PS. A Margarida trouxe o ser livro da biblioteca =)

    ResponderEliminar
  17. oi adorei seu blog que salada linda

    ResponderEliminar
  18. Adoro Rucula... sabor a amendoim!!!
    Força para 2012

    Grande ideia!!!

    Xi
    cozinharcomjoao.blogspot.com

    ResponderEliminar
  19. parabens adorei a salada esta muito bonita colorida beijinhos

    ResponderEliminar
  20. Pois os blogs reflectem a diversidade de interesses, gostos e motivações. Tal como as pessoas ;)Mas aprende-se sempre com os outros. Recolhem-se ideias e sugestões.
    Uma coisa é certa: com bons ingredientes como estes o resultado só pode ser bom.
    Babette

    ResponderEliminar
  21. Olá Joana, adorei o texto...eu também adoro fazer o mesmo!
    E sobre a receita, ainda hoje tive pra comprar...apetecia-me! mas... como o marido não aprecia muito desisti! A tua parece deliciosa, e sem dúvida uma opção saúdavel e light! =) Parabéns pelo Blog.

    ResponderEliminar
  22. Eu concordo plenamente com o texto que a Joana escreveu. E o Mundo dos blogs de culinária é tão vasto! Essa salada parece-me optima.. fresquinha.

    Tania *

    ResponderEliminar
  23. É tão verdade esse mundo dos blogs. Conseguiste colocar ai todas as cetegorias!!! Há gostos para tudo.
    Quanto à salada, magnifica como sempre.
    Bjs Ana

    ResponderEliminar
  24. Gostei muito da salada e do texto que a acompanhou:) "Não há blogues melhores ou piores, bons ou maus. Cada um reflete quem o escreve. " concordo plenamente e acho que é aí que reside toda a riqueza e diversidade. Um beijinho

    ResponderEliminar
  25. gosto muito de rucula e tenho uamsa romãs que não sei o que fazer....acho que...encontrei uma solução (pode ser obvia mas é como o ovo de colombo!

    ResponderEliminar
  26. Que post tão simpático, li-o do principio ao fim com um sorriso rasgado. Na verdade, ía concordando com o texto e sorrindo, há blogues para todos os "paladares".
    A salada está tentadora, esses pequenos bagos ficam bem por onde passam.
    Um beijinho.

    ResponderEliminar
  27. Maria de Lourdes21:44

    Muitos parabens Joana pelas suas considerações que subscrevo inteiramente.
    Estimo sinceramente que continue a publicar livros e que um dia lhe seja dado o valor que tem e merece. Confesso que não entendo como andam na televisão pessoas que era suposto perceberem de cozinha e de forma nenhuma se comparam consigo. Gostei mesmo do seu primeiro livro e vou comprar o segundo. Sabe, a sensação que tenho é que a conheço e tenho uma afinidade enorme consigo! Continue e bem haja

    ResponderEliminar

Poderá também gostar de:

Related Posts Widget for Blogs by LinkWithin