Filetes de Cavala com Salada de Batata e Ovo


Aqui em casa insisto em várias questões a nível alimentar. Muitas frutas e vegetais principalmente de época, nacional e de pequenos produtores locais e/ou biológicos. Utilização de sal marinho tradicional. Leite do dia em detrimento do leite UHT (ou de longa duração). Preferência por ovos caseiros e também a carnes de aves “free range” que tenho a sorte de ter quem me “forneça”. Consumir menos carnes vermelhas e ao fazê-lo preferir carnes nacionais e de origens certificadas, como a carne Alentejana, Açoreana ou Mirandesa. Deixar refrigerantes para apenas de vez em quando (eu tenho um fraquinho por Coca-Cola, deixem-me que vos diga!) e dar preferência a água e sumos naturais. Preferir iogurtes naturais. Diminuir o consumo de peixes de aquacultura. Como diria a minha avó, “cada burro com a sua mania” e estas, são algumas das minhas.
Em alguns casos a escolhas podem ser um pouco mais dispendiosas - como o caso da carne certificada - mas como consumimos mais ocasionalmente não se nota assim tanto. No caso do peixe, evitar comer tantas vezes robalos, douradas e salmão de aquacultura e passar a dar preferência a carapau, cavalas, sardinha, peixe espada e outros peixes menos “nobres”, mas igualmente saborosos, revela-se numa diferença de preço considerável.
A minha sugestão de hoje é com filetes de cavala - que podem pedir para vos prepararem na peixaria - e darem uma hipótese a outros peixes.
E quem mais tem manias destas? Certamente não sou só eu!

Ingredientes para 2 pessoas:

4 filetes de cavala (peça na peixaria para lhe retirarem os filetes de duas cavalas gordinhas)
6 batatinhas tipo primor
2 ovos
4 colheres de sopa de milho doce
10 tomates cereja
sal e pimenta q.b.
farinha q.b.

Molho de mostarda e limão:
1 colher de chá de mostarda de Dijon
2 colheres de sopa de azeite virgem extra
sumo de limão q.b.
sal e pimenta q.b.

Preparação:

Tempere os filetes de cavala com sal e pimenta e reserve.
Entretanto corte as batatas ao meio no sentido do comprimento e leve-as a cozer em água temperada de sal juntamente com os ovos.
Entretanto numa saladeira misture os tomate cereja cortados ao meio com o milho doce e reserve.
Numa taça misture a mostarda de Dijon com o azeite, o sal e a pimenta e emulsione bem. Acrescente um pouco de sumo de limão - vá provando para que fique a seu gosto, mais ou menos ácido. Reserve.
Passe depois os filetes de cavala por farinha e frite-os em óleo quente até que fiquem dourados de ambos os lados. Retire e deixe escorrer sobre papel absorvente. 
Quando as batatas estiverem cozinhadas escorra-as bem e acrescente-as à mistura de milho e tomate e misture-lhes metade do molho de mostarda envolvendo bem.
Coloque os ovos em água fria e descasque-os, partindo-os depois ao meio.
No prato disponha a salada de batata, milho e tomate com os ovos cozidos e os filetes de cavala e regue com um pouco mais de molho de mostarda.


Bom Apetite!

17 comentários :

  1. Anónimo10:35

    A cavala é um peixe muito saboroso, e que não é muito divulgado. E normalmente, encontra-se a um preço simpático. Normalmente, grelho ou asso no forno. E esta sugestão é diferente. Aqui por estes lados, no comércio tradicional (talho e supermercados pequenos, não há carnes certificadas. Há o peixe na praça a preços exorbitantes, e peixe que não é de aquacultura, muitas em promoção no supermercado. Quanto às aves e ovos, realmente há supermercados que vendem aves e ovos produzidos em "modo caseiro", a carne em si não é muito cara, mas os ovos são um pouco caros. E lembro-me de ter perguntado, num mercado biológico, o preço de 1/2 dúzia de ovos e pediram €2,50. Aqui onde moro, são muito poucas as pessoas que criam animais (galinhas, patos, coelhos) para comer, pois elas já têm uma certa idade e os animais dão um pouco de trabalho.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Realmente acho importante tentar comer alimentos da melhor qualidade possível - obviamente dentro do nosso orçamento!.
      Parece-me que 2,5€ por 1/2 dúzia de ovos é bastante caro. Os que compro não são biológicos - apenas caseiros, de galinhas criadas ao ar livre e pago 1,5€ por 1 dúzia, mais barato do que se paga em alguns supermercados por ovos de aviário.
      No mercado biológico aqui da zona, 1/2 dúzia de ovos creio que custa 1,25€... mas não tenho a certeza pois raramente compro.
      Pode sempre comprar ovos de galinhas criadas ao ar livre - com a indicação de 1PT ou 0PT nos supermercados.
      As carnes de aves é que é mais difícil...
      Um beijinho,
      Joana

      Eliminar
  2. Lá em casa iriam adorar esta refeiçao :D

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Natacha, por aqui também se gostou muito!
      Um beijinho,
      Joana

      Eliminar
  3. Também tenho essas manias! Carne de aves consigo arranjar biológica, mas a carne de porco, da qual gostamos muito, é que não consigo: mesmo assim só comemos carnes de animais em produção extensiva.É muito mais caro, mas...
    Os ovos é que não compro biológicos, são caríssimos! Mas compro sempre de galinhas criadas ao ar livre, ao menos devem ser mais felizes...
    Nunca comi filetes de cavala, mas fiquei tentada, obrigada pela sugestão!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Rita,
      Pois os ovos biológicos são realmente muito mais caros. Eu tenho a sorte de comprar ovos caseiros de galinhas criadas ao ar livre. Não são propriamente biológicos, mas são de qualidade muito superior aos de aviário!
      Quanto às ofertas da acrne, depende do local onde moramos e dos supermercados que temos disponíveis.
      E acho que vale a pena experimentar a cavala.
      Um beijinho,
      Joana

      Eliminar
  4. Adoro,...
    Beijinhos,
    Espero por ti em:
    http://strawberrycandymoreira.blogspot.pt/
    www.facebook.com/omeurefugioculinario

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Mary,

      Um beijinho,
      Joana

      Eliminar
  5. Anónimo13:36

    Partilho todas as suas "manias" e os filetes de cavala são maravilhosos e muito versáteis. Normalmente para conservar mais tempo embalo a vácuo e congelo os filetes. Costumo é temperar apenas na altura em que grelho para não ficar tão secoseco, e sempre com a pele virada para baixo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu também gosto bastante de filetes de cavala, e também só os tempero quase antes de cozinhar. Não sabia o truque da pele virada para baixo.
      Obrigada.
      Um beijinho,
      Joana

      Eliminar
  6. Eu tenho várias e algumas até partilho ctg :) Mas de há uns meses a esta parte, qd comecei a mh 'dieta' a sério, prescindi de alguns alimentos, por uma questão de saúde e, de facto, noto a diferença! Houve adaptações q ñ me custaram por aí além, pois já raramente as consumia, mas houve outras q me custou um pouco mais e às xs lembro-me c alguma saudade... Porém, é tudo uma questão mental e de pensarmos em viver melhor! Tenho ouvido algumas críticas e 'bocas' de pessoas conhecidas, mas a saúde é minha e se ficar doente, ning deles se mexe p me ajudar, por isso, temos q olhar por nós mesmos e pelos nossos! E fazes tu mt bem: tens um filho pequeno, outro pelo caminho e às xs meto as mãos à cabeça qd vejo o q certas crianças comem! É triste e perigoso! Tb sou fã de carapau, cavala mais ou menos, mas tb como :) Bjinhos!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tenho realmente cada vez mais cuidado com a alimentação que fazemos cá em casa. Isso não quer dizer que não faça uma sobremesa ou um bolo, ou que não haja dias em indo comer fora se coma uma pizza. Mas o importante é a alimentação de todos os dias e fazermos as melhores escolhas possíveis dentro do nosso orçamento, e de evitarmos coisas que não acrescentam nada à nossa alimentação.
      Cá em casa dificilmente entram coisas processadas, batatas fritas de pacote, bolachas ou bolos de compra, comida pré-feita congelada, salgadinhos e afins, iogurtes carregados de açúcar, salsichas, ....
      Mas cada um sabe de si e dos seus!!
      Um beijinho,
      Joana

      Eliminar
  7. Anónimo21:46

    Também prefiro os produtos biológicos ! E idealmente de produtores locais!
    Parabéns pelo seu cantinho! Embora nunca tenha comentado , venho aqui diariamente à procura de mais uma receita nova!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada pelas suas palavras!
      Um beijinho também para si.
      Joana

      Eliminar
  8. que belo aspecto!
    Beijinhos,
    http://sudelicia.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Susana.
      Um beijinho,
      Joana

      Eliminar
  9. Não és só tu! Eu tenho a mania de fazer tudo de raiz, ou seja, não compro preparados e molhos e coisas assim. Faço os biscoitos que se comem cá em casa. Também uso apenas ovos caseiros (que compro a 1,50€ a dúzia, um achado, eu sei!) e só não se chamam biológicos porque as senhoras que os vendem nem sabem o que isso é :) a carne também procuro que seja de produção local. Não sou muito fã de sumos (já de cerveja... mas tem que ser super bock, mais uma mania) mas gosto muito de ginger ale e de vez em quando lá compro para matar saudades. A cavala é um peixe de que gosto muito. Na praia onde vou os pescadores ainda pescam de modo tradicional e quando vem muita cavala eles até a dão pois não há muito quem a queira comprar. A melhor receita que já fiz com cavala é uma do Nigel Slater (Roast mackerel with sherry vinegar, potatoes and thyme) e fica mesmo bem!

    ResponderEliminar

Imprimir