segunda-feira, julho 16, 2012

Compota de Ameixa e Maçã


Dos pêssegos dos avós, que aparecem sempre por alturas do S. João, já cá não há nenhuns. Foram consumidos ao natural, em gelados, sumos e batidos e outros estão conservados sobre a forma de compota, para além de haver saquinhos de pêssego no congelador para ir utilizando. Agora é altura dos avós me trazerem  ameixas maduras e doces. Mas não estão sozinhas. Do jardim dos sogros chegam também outros pêssegos e, apesar de parecer um pouco fora de época, muitas maçãs pequenas e vermelhas. Com o calor, toda esta fruta emana um perfume delicioso de cada vez que se entra na cozinha. E portanto a minha cozinha cheira deliciosamente a fruta doce e sumarenta.
Como não conseguimos consumir toda esta fruta que nos vai chegando cá a casa, lá se vão preparando as compotas que tantas vezes acabam nos cabazes de natal ou que se vão oferecendo a amigos e familiares para abrilhantar as torradas do pequeno almoço.
Não sei se já começaram a fazer as vossas compotas, mas é agora, nesta altura de maior abundância e máximo sabor, a melhor altura para começar. Não custa nada.

Ingredientes para 4 frascos médios:

600g de maçã sem caroço, descascada e partida em pedaços
600g de ameixas vermelhas descascadas, sem caroço e partida em pedaços
900g de açúcar
1 limão

Preparação:

Num tacho suficientemente largo onde tudo caiba coloque as frutas já preparadas e os seus sucos, o açúcar e a raspa de 1 limão. Envolva tudo bem e leve a lume brando até o açúcar estar bem derretido.
Aumente depois a temperatura do lume e deixe levantar fervura. Reduza novamente e deixe ferver até a compota estar pronta, isto é atingir o ponto de estrada - para isso deverá colocar um pouco e compota num prato e deixar arrefecer um pouco, passando depois a ponta do dedo. Se abrir uma estrada o doce está no ponto.
Com a varinha mágica triture depois a compota (mais ou menos consoante goste de sentir mais ou menos a fruta). Coloque-a depois a compota em frascos esterilizados, feche-os e coloque-os de cabeça para baixo para ganharem um vácuo natural.
Guarde-os depois num sitio fresco e escuro até consumir. Aguentam no mínimo um ano até abrir.

Bom Apetite!

28 comentários:

  1. Olá,
    É uma deliciosa forma de consumir posteriormente a fruta a cor da compota ficou linda adivinhando-se deliciosa.
    Boa semana, beijo,
    Vânia

    ResponderEliminar
  2. este fim de semana trouxe umas ameixas de casa da minha mãe. Boa sugestão, já sei o que vou fazer com parte delas

    beijocas

    ResponderEliminar
  3. Cristina12:16

    Há tempos fiz compota de morangos congelados com maçã e gostei muito do resultado... Esta também deve ficar ótima!
    Também já fiz várias compotas, para oferecer e também para ir consumindo, entre as quais se encontram duas receitas de compota de ameixa. Ora bem, eu não tiro a casca às ameixas... suponho que é isso que confere um sabor ligeiramente ácido à compota do qual eu tanto gosto.
    Joana, tira sempre a casca às ameixas quando as usa em compotas?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Cristina,

      Sim, tiro sempre a casca das ameixas que eu não sou capaz de comer e não gosto de encontrar nas compotas. Mas mesmo assim as compotas ficam com a acidez normal da compota de ameixa que eu tanto gosto.
      Espero ter ajudado,
      Joana

      Eliminar
  4. Na semana passada fiz de ameixa vermelha :) No ano passado acho q fiz esta tua receita, de maçã e ameixa e ficou mt boa :) Bjinhos!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Anjo de mel,

      Foi a primeira vez que experimentei esta combinação de ameixa e maçã, depois de ter feito com maçã e tomate que adorei. É realmente muito boa, mas eu nunca tinha publicado esta receita, até porque não faz sentido duplicar publicação de receitas.

      Um beijinho,
      Joana

      Eliminar
    2. Olá Joana. Então ñ foi daqui q copiei :) Mas a maioria das receitas de compotas q tenho são aqui do teu cantinho. Estive a ler melhor, e realmente ñ é exactamente igual a esta q publicaste aqui, mas tb é com maçã e ameixa, só q leva especiarias tb. Bjinhos.

      Eliminar
    3. Cristina15:56

      Desculpem a intromissão... Eu descobri este blogue fantástico há relativamente pouco tempo e, de vez em quando, selecciono um dos temas para "explorar". Um dos que vi com mais pormenor foi o das compotas (gosto taaaaanto!!!!!!!!). Há realmente aqui outra compota de maçã e ameixa, mas com cravinho. Além disso, o tipo de ameixa usada é completamente diferente (foi publicada em 3 de Setembro de 2010).

      Eliminar
    4. Olá Cristina,

      Realmente já nem me lembrava dessa receita. E ainda por cima disse à Anjo de Mel que a receita não era minha... Realmente foi feita com uma ameixas diferentes - há quem lhe chame abrunhos - e tem um sabor e cor completamente diferente, também por causa das especiarias. No meio de tanta receita já não me consigo lembrar de tudo.
      Obrigada Cristina pela informação e desculpe Anjo de Mel pela observação (era só porque não queria ficar com os créditos de outra pessoa!) E sim, não gosto de duplicações de receitas apesar de aqui não ser bem o caso. Nem me lembrava que também tinha juntado maçã nessa compota (apesar de ser um racio diferente!)

      Joana

      Eliminar
    5. Cristina20:46

      Abrunhos! Exatamente, Joana! Havia um abrunheiro numa das nossas hortas, quando eu era criança. Que pena que já não há... Mas, em contrapartida, há outras árvores de fruto e em maior quantidade. Só é pena estarem a 100 km de mim...

      Eliminar
    6. olá Joana desde já adorei conhecer este seu espaço e gostaria de saber se me pode esclarecer mais acerca da conservação das compotas depois de prontas da esterilização se vão ao frigorifico ou nao???? Sao algumas duvidas, e desde já agradeço a atenção. Susana

      Eliminar
    7. Susana,

      Para responder a todas as suas dúvidas sobre compotas, sugiro que leia este post aqui:
      http://economiacadecasa.blogspot.pt/2011/06/preparar-o-natal-reutilizar-frascos-e.html

      Mas as compotas não precisam de ser guardadas no frigorífico e, se bem feitas e em frascos bem esterilizados duram anos em perfeitas condições.

      Espero ter ajudado,
      Joana

      Eliminar
  5. excelente sugestão essa sua hoje, adoro fazer compotas,

    bjs e boa semana

    ResponderEliminar
  6. Patrícia Nicolau13:41

    Será que posso preguiçar e fazê-la na bimby??

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Patrícia,

      Realmente não sei como poderá ficar esta ou outras compotas na bimby.

      Um beijinho,
      Joana

      Eliminar
    2. Patrícia Nicolau13:51

      Nesse caso vou experimentar, depois digo como correu!

      Eliminar
  7. Anónimo00:51

    Ola,

    e sera possivel fazer compotas sem açucar? Tambem tenho imensas ameixas nesta altura e ficaria deliciada com uma receita sem açucar..

    Beijinhos e adoro as receitas!!
    Ana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Ana,

      Poderá fazer compota sem açúcar, usando frutose (que se vende em lojas de produtos naturais como o celeiro e em alguns supermercados) em substituição do açúcar.

      Espero ter ajudado,
      Joana

      Eliminar
  8. Anónimo10:49

    Quando vi a receita, lembrei-me de aproveitar umas maçãs que ninguém comeu e umas ameixas que me deram e pus mãos à obra.
    Ficou deliciosa, muito obrigada pela receita.
    DNO

    ResponderEliminar
  9. Ontem fiz esta receita.
    Mas deixei com ponto a mais :/
    Hoje meti água e deixei amolecer um bocado e já está boa! ;)

    ResponderEliminar
  10. Anónimo18:54

    Antes de mais, parabéns pelo seu blog que é a primeira vez que comento. Uma pergunta de estreante nestas lides, coloca-se nos frascos ainda quente ou deixa-se arrefecer?

    Obrigada

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá!

      O doce deverá colocar-se nos frascos (que tem de estar bem esterilizados assim como as tampas!) ainda quente e fechado de imediato, voltando os frascos de cabeça para baixo durante cerca de 30 minutos. Assim criam um vácuo natural que fará com que o doce se conserve por mais tempo em optimas comdições.

      Espero ter ajudado,
      Joana

      Eliminar
  11. Fátima F.11:54

    Boa ideia.
    Este ano trouxe muita fruta do Alentejo e vou pôr mãos à obra, a juntar à já tradicional compota de amoras silvestres, abóbora, melão com ananás, entre muitas outras.
    Parabéns pelo blog, pois tiro daqui muitas ideias.

    ResponderEliminar
  12. Anónimo23:54

    ola!!! Gostava de saber se tinha receitas de compota de melão com ananás e se podia publicar, desde já o meu muito obrigado.Tb gosto muito de fazer compotas e faço bastante tb gosto de oferecer aos meus amigos que se delicíam...
    Parabens pelo blog...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Lola00:03

      por acaso nimguém tem receita de compota de castanha???Gostava de fazer mas que não fica-se muito espessa e agrdavél...

      Lola

      Eliminar
  13. Que mistura diferente, deve ter dado um bom resultado. Parabéns pelo blog!

    http://feitocomm.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar

Poderá também gostar de:

Related Posts Widget for Blogs by LinkWithin