terça-feira, junho 14, 2011

Smoothie de Pêssego com Mel

Continuam os pêssegos cá em casa. Depois de serem a nossa sobremesa ao almoço e jantar, se terem servido para começar a preparar as prendas de natal, foram a nossa bebida no lanche de domingo preparados num refrescante smoothie. Mais uma das utilizações e versatilidade da fruta!

Ingredientes para 2 pessoas:

4 pêssegos maduros
2 colheres de sobremesa de mel
1 iogurte natural
150 ml de leite frio

Preparação:

Descasque os pêssegos e corte.os em pedaços. Num copo misturador coloque o leite, o iogurte, o mel e os pêssegos partidos em pedaços. Misture bem até ficar com uma mistura cremosa e coloque num copo.
Sirva bem fresco ao pequeno almoço ou ao lanche.

Bom Apetite!

11 comentários:

  1. Perfeito Joana, adorei!

    Beijinho

    ResponderEliminar
  2. hummmmmm! gostei! deve ser muito bom!

    ResponderEliminar
  3. Eu costumo fazer um um bocadinho diferente.....com cidreira e mel. Em vez do leite, uso iogurte, porque gosto mais da textura espessa! Um excelente lanche ou pequeno-almoço.

    ResponderEliminar
  4. olá amiga

    Eu tenho pêssegos a estragar-se porque os colhi e e não sabia o que fazer com eles, vou aproveitar a sua dica

    obrigada

    http://pimentinhasnacozinha.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  5. Acho graça a estas modas. Aquilo que sempre foi um batido, ou como dizem os americanos, um milkshake, agora baptiza-se de smoothie e parece que é a novidade do século.

    ResponderEliminar
  6. Gostei bastante da sugestão! Mas, fico impressionada por já pensar no Natal!
    Beijinho e boa semana!

    ResponderEliminar
  7. Caro JP:

    Não é uma questão de modas - realmente é um batido (milkshake) de pêssego e mel. Mas como leva iogurte fica mais espesso e aveludado (smoothie) daí o nome.
    Mas se lhe causa assim tanta confusão, pode continuar a chamar-lhe simplesmente batido de pêssego com mel.
    E surge aqui não por ser a novidade do século, mas sim por ser uma excelente maneira de aproveitar a fruta que tenho em excesso. E como sugestão para que outros o façam em vez de deitarem fora.

    ResponderEliminar
  8. Não estou a criticar a sua receita, apenas a constatar o que uma alteração de nome faz a um simples produto. Assim como os banais queques que hoje em dia ao serem pomposamente decorados se apelidam de cupcakes e são o último grito da moda culinária. São estes revivalismos com outras roupagens e nomenclaturas que fazem o frisson. Parece que se descobriu agora algo excepcionalmente novo e criativo quando o produto em si já vem do tempo das nossas avós.
    Tenho que confessar que visito o seu blog diariamente, já sei que de manha há sempre algo novo e com bom aspecto para começar o dia. Gabo-lhe a dedicação.
    Já agora um pedido… alguma sugestão de receita com cerejas. Tenho demais e já me irrita come-las simples. Pensei em compota mas não têm suco suficiente. Também pensei em usa-las numa tarte mas ainda não me deu para pesquisar uma receita.

    ResponderEliminar
  9. Caro JP:

    Percebi claramente que não estava a criticar. Apenas estou a "justificar" a escolha do nome para o simples batido.
    Quanto a receitas com as cerejas o tradicional clafoutis é sempre uma boa escolha e a tarte, poderá fazer a receita da tarte americana de maçã mas usando para o recheio cerejas descaroçadas. Ambas as receitas estão no blogue.
    Joana

    ResponderEliminar

Poderá também gostar de:

Related Posts Widget for Blogs by LinkWithin