sexta-feira, Setembro 29, 2006

Caril de Frango

Eu devo dizer que sou daquelas pessoas que gosta de experimentar culinárias, sabores e temperos diferentes! E gosto muito de cozinha indiana.
Hoje trago um clássico: Caril!
Tendo esta receita como base pode-se fazer caril de tudo: camarão, galinha, caranguejo, borrego...
E não tenham medo de experimentar: o pior que pode acontecer é não gostarem!
Aconselho é a usarem um bom caril: normalmente aqueles das marcas das especiarias não costumam ser muito bons. Mas em qualquer hipermercado encontram caril de qualidade bem superior na parte dos molho e temperos (normalmente de marcas inglesas ou mesmo orientais!)
E já que vão comer caril, façam-no como deve ser, acompanhem com paparis e arroz basmati cozido!

Ingredientes para 4 pessoas:

1 frango
3clh bem cheias de pó de caril
azeite ou óleo q.b. (alguns puristas dizem que a comida indiana jamais deve ser feita com azeite!)
1 cebola picada
1clh sopa de polpa de tomate
2dl de leite de coco (eu uso sempre de lata ou de garrafinha))
1 dente de alho
coentros
sal
arroz basmati (ou agulha) cozido
paparis

Preparação:

Corte o frango em pedaços, retire-lhe a pele e tempere com 1 colher de pó de caril. Faça um refogado com o azeite(ou óleo!) e a cebola picada. Quando a cebola começar a querer alourar, junte o frango e, sobre o lume vá mexendo com cuidado até refogar um pouco mais.
Espalhe por cima o resto do caril e a polpa de tomate e mexa.
Esmague o dente de alho e os coentros com sal grosso e junte ao caril. Deixe cozinhar em lume muito brando, tapado e sem adicionar água. A água libertada pela cebola e pelo próprio frango é suficiente.
Quando a carne estiver cozinhada, junte o leite de coco. E deixe ferver mais 5 minutos.
Rectifique os temperos, e sirva quente com o arroz e os paparis!

Bom Apetite!

quinta-feira, Setembro 28, 2006

Pink Pasta



Esta receita foi assim baptizada por mim devido á tonalidade rosa do molho e do bacon. Na fotografia não se nota muito, mas quando e se experimentarem, vão ver que o nome foi bem atribuido!
Esta receita foi-me dada pela minha prima R., com a indicação de que era muito fácil, rápida e boa e que as filhas, M&M, e as outras crianças gostavam muito. Cá em casa ainda não há crianças, mas a criança que há em mim e no M. gostou muito. E eu gostei principalmente porque é bastante rápida de preparar! É mesmo só o tempo de cozer a massa!
Só mais uma coisa, fiz-lhe duas pequenas alterações: usei fetuccini em vez de esparguete e juntei uns cogumelos frescos laminados juntamente com o bacon!
Mas não desvirtuei a tua receita pois não R.?

Ingredientes:

1 pacote de natas (para não me sentir tão culpada usei light)
Fetuccini
1 pacotinho de bacon aos cubinhos
150 gr de cogumelos frescos laminados
1 colher de sopa bem cheia de ketchup (podem juntar mais de quiserem)

Preparação:

Levar a massa a cozer em água abundante temperada de sal e de um fio de azeite.
Entretanto preparar o molho. Numa frigideira anti aderente levar o bacon a fritar. Depois de lourinho, e na gordura onde fritou, deixar cozinhar os cogumelos.
Depois desta mistura estar cozinhada, escorrer a água e a gordura que se tiverem formado, juntar o pacote de natas e o ketchup e deixar aquecer sem levantar fervura.
Depois é só escorrer a massa, que deve estar "al dente" e não esquecer de a passar por água fria para parar a cozedura.
Juntar a massa com o molho e servir de imediato!

Bom apetite!

quarta-feira, Setembro 27, 2006

Compota de Pêra com Lima e Hortelã



Mais uma vez, recebi uma cesta de fruta do quintal da minha avó. Desta vez foram umas belas pêras já debicadas pelos passarinhos e bastante maduras. Que fazer? Mais uma Compota!
Desta vez, em vez da habitual casquinha de limão e do pau de canela, resolvi misturar outros aromas. Fiquei-me pela casquinha de lima e pelas folhas de hortelã, e devo dizer que deu uma compota que, ainda que sabedo bem a pêras, tem um optimo aroma cítrico e um leve gostinho a hortelã!
Não é para me gabar mas ficou mesmo muito boa!

Ingredientes:

1 kg de pêras (já limpas)
850 gr de açúcar
casca de 1 lima
1 raminho de hortelã fresca

Preparação:

Num tacho, e depois da fruta descascada e partida em pedaços, juntar o açúcar, a casca da lima e o raminho de hortelã. Levar ao lume até levantar fervura. Depois, reduzir para um lume mais brando e deixar cozinhar até o doce atingir o ponto de estrada. Se quiserem, podem passar o doce pela varinha mágica, para ficar mais homogéneo!
Deixar arrefecer e guardar em frascos esterelizados.

Agora é só comer: para variar o doce ou tostas com pão, nada melhor do que fazerem uma receita simples de torta ou de pão de ló, e rechearem com este doce ou outro da vossa preferência!

Bom Apetite!

terça-feira, Setembro 26, 2006

Bifes de Atum à Algarvia



Para quem diz não gostar muito de peixe, acho que os bifes de atum são uma boa solução: não têm peles nem espinhas e são bastante "carnudos" e firmes (por algum motivo são apelidados de "bife"). Actualmente é bastante fácil encontar bifes de atum, fresco ou congelado, à venda em qualquer hipermercado do país.
Claro que não têm o mesmo sabor daqueles que se compram nos mercados do Algarve, mas, para mim, trazem sempre um gostinho a férias, sol e mar!

Ingredientes:

bifes de atum fresco
sal e pimenta
alho
limão
azeite
cebola
tomate pelado
pimento verde
vinho branco
salsa

Preparação:

Tempere os bifes de atum com sal, pimenta, alho cortados e bastante sumo de limão. Deixe ficar na marinada durante 1 hora.
Prepare um refogado leve com o azeite e a cebola cortada em meias luas. Quando a cebola estiver translucida, coloque o tomate pelado e picado e o pimento cortado em tirinhas. Tempere e deixe cozinhar em lume brando.
Regue com o vinho e, quando levantar fervura, adicione os bifes de atum e a marinada. Cubra-os com o molho e cozinhe agitando várias vezes o recipiente para evitar que se pegue.
Já fora do lume polvilhe com salsa picada.
Sirva bem quente com batatinhas cozidas.

Bom Apetite!

segunda-feira, Setembro 25, 2006

Bacalhau à Bráz (à maneira rápida!)


Toda a gente sabe fazer Bacalhau à Bráz... É relativamente fácil e pode ser preparado com alguma antecedência.
Foi o prato principal escolhido para um outro jantar cá em casa. E éramos 9!
Estava eu para fritar batatas para tanta gente? Não me apeteceu.. Resolvi usar das de pacote (daí chamar a este bacalhau, o da maneira rápida!). Não fica tão bom como quando se fritam as batatinhas em casa, mas não estava nada de se deitar fora. Só um conselho: usem batatas palha de compra de boa qualidade. Algumas tendem a ser muito gordurosas e salgadas, e dão um sabor estranho a este prato!

Ingredientes:

Batata Frita palha de compra (usar 1 boa marca)
Migas de bacalhau salgadas (não usem daquelas que são só peles e espinhas)
Cebola
Azeite
Alho
Louro
Salsa
Azeitonas Pretas
Ovos (normalmente 1 por pessoa)
Sal (só se for necessário)
Pimenta

Preparação:

Comece por demolhar as migas de bacalhau em várias águas até perderem o sal em excesso. Se usarem as migas, demora apenas algumas horas, desde que tenham o cuidado de mudar muitas vezes a água. Para terem a certeza de que já não está muito salgado, vão provando o bacalhau!
Depois das migas demolhadas, pode começar!
Coloque um fundo de azeite num tacho largo e leve a alourar bastante cebola cortada em meias luas, alho picadinho e 1 folhinha de louro. Quando a cebola começar a ficar translucida, coloque o bacalhau e deixe cozinhar. (Demora cerca de 15 minutos!)
Agora é só juntar as batatas palha (para 6 pessoas 1 pacote de 500gr é suficiente, bem como 1 pacote de migas de bacalhau e 6 ovos) e mexer bem.
Bata os ovos temperados com um pouco de pimenta (normalmente sal não é preciso, mas prove primeiro a mistura) e junte ao bacalhau e às batatas. Vá cozinhando em lume brando sem parar de mexer, e até os ovos estarem cozidos, mas sem ficarem demasiado secos.
Polvilhe com bastante salsa picada e volte a mexer.
Sirva decorado com azeitonas pretas e salsa picada, e acompanhe com uma salada de alface!

Bom Apetite!

sexta-feira, Setembro 22, 2006

Salada de Rucula e Mozzarela


Mais uma salada de inspiração italiana, para despachar ingredientes que me enchiam o frigorífico!
Ficou uma salada muito agradável e usei-a para acompanhar a Quiche do post anterior!

Ingredientes:

1 pacote de rúcula pronto a usar
Croutons de ervas
1 bola de Mozzarella
bacon aos cubinhos
Azeite
Vinagre Balsâmico
Sal
Pimenta

Preparação:

Começe por fritar o bacon numa frigideira anti aderente até ficar crocante. Retire da gordura e ponha em papel absorvente a escorrer.
Numa saladeira coloque a rúcula, os croutons, a mozzarella cortada em cubos e o bacon!
Na hora de servir tempere com uma mistura de 2 colheres de sopa de Azeite, 2 colheres de sopa de Vinagre Balsâmico, sal e pimenta!

Bom Apetite!

quinta-feira, Setembro 21, 2006

Quiche de Bacon e Fiambre


Esta receita foi "inventada" por mim, mas é uma cópia a 95% da famosa Quiche Loraine.
Foi feita para um jantar de amigos, onde fez um sucesso tão grande, que não a podia deixar de partilhar aqui.

Ingredientes:

1 rolo de massa folhada pronto a usar
1 pacote de natas
3 ovos
sal e pimenta
fiambre aos cubinhos (75gr)
bacon aos cubinhos (75gr)
queijo Mozzarela ralado (100gr)

Preparação:

Frite o bacon numa frigideira anti aderente e na sua própria gordura até este ficar crocante. Retire da gordura e reserve.
Entretanto forre uma tarteira com a massa folhada e coloque dentro dela o fiambre aos cubos e, depois de frito, o bacon.
Numa taça bata os 3 ovos com as natas, junte o queijo ralado e tempere de sal e pimenta. Coloque por cima da tarte e leve a forno quente (200º C) durante 40 minutos!

(Aqui deixo um pequeno truque: não sei se já vos aconteceu ao fazerem uma tarte, mas, ao apararem a massa antes desta ir ao forno ela encolhe! Para isto não acontecer, eu deixei de aparar a massa antes de ir ao forno, deixando sempre massa a sobrar para fora, e apenas a aparo depois de a tarte estar cozinhada!)

Bom Apetite!

quarta-feira, Setembro 20, 2006

Fusili com Molho de Atum


Esta é uma daquelas "receitas" que nem receita é! É uma comida de emergência, de falta de tempo, de desenrasque, do que lhe quiserem chamar.... Mas é bastante agradável e normalmente as crianças gostam! Foi feita no fim-de-semana que a minha sobrinha de 20 meses veio passar connosco, e ela, parece que gostou!

Ingredientes:

Massa fusili (espirais)
2 latas de atum
1 cebola
2 dentes de alho
Azeite
1 lata de tomate pelado
oregãos
Sal

Preparação:

Leve uma panela ao lume com água temperada de sal e com um fio de azeite. Quando a água estiver a ferver "em cacho", coloque a massa e deixe cozinhar até ficar"al dente".
Entretanto pique bem a cebola e o alho e leve a alourar num pouco de azeite. Junte depois o tomate pelado cortado em pedacinhos e o todo o molho de tomate que a lata tiver. Quando esta mistura levantar fervura junte o atum bem espremido do óleo, rectifique de sal, tempere com oregãos e deixe cozinhar em lume brando durante 10 minutos.
Quando a massa estiver cozida escorra-a e passe por água fria (para parar a cozedura). Junte depois o molho de atum e tomate, misture bem e polvilhe com mais oregãos.
Sirva com uma salada mista!

Bom Apetite!

terça-feira, Setembro 19, 2006

Empadão de Peixe

Desta vez, trago uma receita de empadão. Não que eu seja uma grande amante de empadão, mas sim porque acho esta receita bastante diferente do tradicional empadão que se vai vendo e fazendo por aí.
Leva molho bechamel, o que lhe dá uma consitência mais líquida, e o peixe não é cozinhado antes de a mistura ir ao forno.
Para quem quiser experimentar!

Ingredientes:

900g de batatas
2 ovos
sal
450g de lombinhos de peixe congelados (eu costumo usar pescada)
pimenta
½ limão
50g de margarina
2dl de leite
noz moscada
molho bechamel (feito em casa ou de pacote)
1clh sopa de salsa picada
50g de queijo ralado

Preparação:

Aqueça o forno a 200ºC. Descasque, lave e corte as batatas ao meio. Coza-as, juntamente com os ovos em água com sal.
Entretanto, corte os lombinhos de peixe em cubos. Tempere de sal, pimenta e sumo de limão.
Retire os ovos, escorra as batatas e reduza-as a puré. Corte os ovos em bocados. Adicione a margarina ao puré, mexendo até derreter. Por fim, junte 2dl de leite, pouco a pouco, até obter um puré liso. Rectifique de sal, e tempere com pimenta e noz moscada.
Junte a salsa picada ao molho bechamel previamente preparado e misture bem.
Unte um tabuleiro de forno com margarina. No fundo espalhe o peixe, bem escorrido e espremido da marinada e o ovo cozido.
Cubra com o molho bechamel e, por cima, espalhe o puré de batata.
Polvilhe com o queijo ralado e leve ao forno durante 30 minutos (Eu também usei um ovo batido por cima!).Sirva com salada ou legumes cozidos.

Bom Apetite!

segunda-feira, Setembro 18, 2006

Frango Árabe


Ás vezes acontece-me isto. Descongelo qualquer coisa para o jantar e depois não sei o que fazer com ela. Foi o que aconteceu a este frango.
Inicialmente foi tirado com a intenção de fazer um arroz de frango...Mas quando me preparava para começar a fazer o jantar cheguei à conclusão de que não me apetecia comer arroz de frango.
Toca a folhear o meu caderno de receitas. E esta lá apareceu...com uma curiosidade...Nunca a tinha feito!
Depois de uma olhadela nos ingredientes, para ver se tinha tudo, pus mãos á obra e o resultado final foi uma receita bastante diferente, de um frango adocicado pelo mel e pelas passas, com um aroma a especiarias e com o crocante das amêndoas!
Recomendo a quem gosta de experimentar culinárias diferentes!

Ingredientes:

1 frango limpo de peles
1dl de azeite
2dl de mel
1 cebola média picada
1clh chá de canela
1clh chá de açafrão
1clh chá de cominhos
1clh chá de gengibre em pó
1 chávena de coentros frescos picados
100g de ameixas sem caroço
60g de passas
100g de amêndoas torradas
½ limão com casca cortado em gomos
sal e pimenta q.b.

Preparação:

Numa caçarola deite o óleo, o mel, a canela, o gengibre, a cebola, o açafrão e os cominhos. Leve ao lume e deixe ferver 2 minutos. Coloque o frango em pedaços, os coentros, o sal e a pimenta.
Deixe refogar mais 4 minutos. Junte as passas e ameixas, tape, e sobre lume brando deixe cozinhar aproximadamente 45 minutos.
Mexa com uma colher de pau e adicione o limão e as amêndoas.
Tape, apague o lume e deixe repousar 10 minutos.
Sirva com arroz branco, ou, para continuar o tema árabe, uns cuscus!

Bom Apetite!

sexta-feira, Setembro 15, 2006

Conserva de Pimentos Assados



Mais uma vez, recebi uma quantidade grande de pimentos! Como sou muito poupada nestas coisas de comida e detesto ver coisas estragadas, resolvi fazer algo de diferente!
Uma parte destes pimentos foram lavados, cortados em tiras e congelados, de modo a ter sempre pimentos prontos a usar.
A outra parte foi para fazer esta conserva. Não sei até que ponto é que vai resultar, mas tenciono guardá-la até ao Natal ou Fim de Ano, e depois fazer uma salada de pimentos com alho picadinho e vinagre balsâmico. A ver vamos!

Ingredientes:

Pimentos
Sal
Azeite
alhos inteiros esmagados
frasco de vidro esterelizado

Preparação:

Começei por assar os pimentos. Depois de lhes tirar a pele cortei-os em tiras grossas e coloquei-os num pano para retirar o excesso de água.
No frasco esterelizado coloquei sal, os alhos esmagados e os pimentos. Misturei tudo e acabei de encher o frasco com azeite. Tapei e guardei em local fresco e seco.
Agora é só esperar pela altura certa para os servir, como já disse, temperados com alho picadinho, vinagre balsâmico e um pouco de sal e azeite da marinada! Depois conto como correu!

Bom Apetite!

quinta-feira, Setembro 14, 2006

Etiqueta (não, não é uma receita!)

A Elvira do blogue Elvira´s Bistrot, deixou-me um pequeno desafio. Dizer quais as minhas 6 regras de Etiqueta na mesa e na cozinha... não sei se serão bem etiqueta ou manias, mas aqui vão elas!

Etiqueta 1 - Nada de levar comida à mesa em tachos, ou nas embalagens de origem. Existe sempre um prato ou uma travessa para colocar a comida!
Etiqueta 2 - Não comer em pratos de plástico, nem com talheres de plástico, nem em copos de plástico. Excepção feita para piqueniques!
Etiqueta 3 - Não usar guardanapos de papel. Não há nada melhor do que ter um guardanapo de pano enfiado numa bonita argola ou saco de guardanapo.
Etiqueta 4 - Levar sempre alguma coisa quando se é convidado para jantar/almoçar em casa de alguém! É muito feio aparecer de mãos a abanar. Um vinho, uma sobremesa (feita em casa ou de compra para quem não sabe ou não gosta de cozinhar!), umas flores caem sempre bem!
Etiqueta 5 - Pessoas que não estão abertas a novas coisas na cozinha... Daquelas que torcem o nariz se a refeição não for o habitual e tradicional (bacalhau com natas, arroz à valenciana....)
Etiqueta 6 - Não se ter educação à mesa no básico: comer de boca aberta, atender o telefone à mesa, palitar os dentes, arrotar....

E tinha tantas outras....
Deixo este desafio ao Avental Gourmet, Laranja com canela, à Mónica do Diário de Cozinha, ao Kuka, ao JP do Ardeu Padaria e à Tia Gio das Receitas da Gio!

Pão de Alho Caseiro



É muito simples e fica mais saboroso do que a maioria do pão de alho que se come por aí!

Ingredientes:

Pão cortado em fatias (eu costumo usar pão alentejano ou pão de "segunda")
Alho
sal
coentros
azeite


Preparação:

Num tabuleiro coloque o pão já cortado em pedaços e regue com azeite. Leva a forno quente para aquecer.(Não deixe o pão torrar, apenas aquecer e embeber o azeite)
Num almofariz coloque dentes de alho, um bocadinho (pouco) de sal grosso, os coentros e esmague bem, até formar uma pasta. Junte a esta mistura um pouco de azeite, tire o pão do forno e com um pincel ou colher coloque um pouco desta papa em cada fatia de pão.
Leve novamente ao forno para tostar ligeiramente e sirva de imediato.

Bom Apetite!

quarta-feira, Setembro 13, 2006

Cogumelos Recheados



Mais uma entrada que eu nunca tinha experimentado, e que fiz para um jantar de amigos.
A mistura dos cogumelos Portobello com o queijo de cabra e o presunto é realmente saborosa. Mas para a próxima tenho de esfarelar menos o queijo de cabra para se sentir também a sua textura. Ficou uma mistura muito homegénea, quando devia ter ficado uma mistura mais "rústica" onde se destacassem os diversos ingredientes do recheio.
Melhoro para a próxima!

Ingredientes:

Cogumelos Portobello
Queijo de cabra
1 cebola
azeite
alho
tomilho
presunto em fatias fininhas

Preparação:

Lave bem os cogumelos e tire-lhes o pé. Coloque os "chapéus" dos cogumelos voltados para cima num tabuleiro, regue com um fio de azeite, tempere com uma pitada de sal, pimenta moída na ocasião e alho picado e leve a forno quente durante 10 minutos.
Entretanto prepare o recheio. Pique a cebola, e leve a alourar em azeite. Junte os pés dos cogumelos também picados e um pouco de tomilho. Deixe saltear. Retire do lume e junte o queijo de cabra esfaelado grosseiramente. Misture sem fazer uma papa, tempere com pimenta e rectifique o sal.
Recheie os cogumelos e leve novamente ao forno até o queijo começar a derreter.
Sirva cada cogumelo com um rolinho de presunto por cima e juntamente com uma salada de rucula.

Bom Apetite!

terça-feira, Setembro 12, 2006

Tarte de Chocolate e Natas



Esta tarte nunca falta na minha mesa de Natal. Fora isso, também é feita noutras ocasiões pois é muito agradável e saborosa.
Foi a sobremesa do tal jantar com a minha prima R., e foi também bastante aclamada!

Ingredientes:

Massa:
250g de bolacha Maria
150g de margarina
1clh sopa de açúcar

Recheio:
2,5dl de leite
30g de farinha de trigo
50g de açúcar
1 ½ colher de chá de maisena
2 ovos
30g de manteiga
125g chocolate em barra
2clh chá rum e aguardente

Cobertura:
125g de natas
1 ½ colher sopa de açúcar
1 colher sopa de leite
chocolate ralado

Preparação:

Pique a bolacha na picadora. Ao preparado junte a margarina derretida e o açúcar. Misture bem. Forre uma tarteira com este preparado e leve ao frigorífico.
Entretanto, leve o leite ao lume a aquecer. Numa tigela misture o açúcar com as farinhas e os ovos batidos.
Regue com o leite, e depois de ligados, leve o preparado a lume brando mexendo sempre até levantar fervura. Retire então do calor e junte a margarina cortada aos bocadinhos, o chocolate partido e o rum.
Bata até obter uma mistura fofa e homogénea e deixe arrefecer.
Espalhe o recheio dentro da forma e leve a prender ao frigorífico.
Para a cobertura, bata as natas, bem geladas, com o açúcar e o leite, até obter um creme espesso.
Cubra a tarte com as natas e polvilhe com o chocolate ralado.

Bom Apetite!

segunda-feira, Setembro 11, 2006

Lasanha à Minha Moda



Lasanha foi a minha primeira especialidade! Aquela receita pela qual todos os amigos suspiravam e que só de falar ficavam com água na boca! Passou a ser o prato de eleição nas festas de fim de ano... de tal maneira que nos fartámos!
Actualmente só a faço de vez em quando, para não enjoar. Foi o prato principal do jantar com a minha prima R. no sábado, pois eu sei que tanto eles como as filhas gostam muito de lasanha!

Ingredientes:

placas de lasanha pré-cozinhada
carne picada
tomate pelado
cebola
alho
azeite
sal e pimenta
polpa de tomate
vinho branco
farinha de trigo
leite margarina
noz-moscada
sumo de limão
queijo fatiado

Preparação:

por fazer o molho de tomate. Faça um refogado com a cebola, o alho e o azeite. Junte o tomate pelado cortado aos cubinhos, o vinho branco e um pouco de polpa de tomate e deixe ferver um bocadinho.
Junte a carne picada e tempere de sal e pimenta e deixe ferver em lume brando até a carne estar cozinhada. Este molho não deverá ficar muito seco.
Entretanto prepare o molho branco. Derreta a margarina num tacho, junte a farinha e sem deixar de mexer vá juntando o leite até obter o molho com a consistência desejada, que não deve ser nem muito líquido, nem demasiado grosso. Tempere o molho branco com sal, pimenta, noz moscada e sumo de limão a gosto.
Num pirex untado com margarina comece por colocar uma camada de carne, e por cima desta, uma camada de placas de lasanha. Em cima da lasanha coloque mais carne, molho branco, queijo fatiado, e outra camada de placas de lasanha e vá repetindo a operação até esgotar todos os ingredientes, acabando com uma camada de placas de lasanha sobre a qual apenas se coloca queijo e o restante molho branco, de modo a cobrir uniformemente todos os ingredientes.
Leve a forno quente cerca de 45 minutos, até a lasanha estar cozida e a parte de cima gratinada.

Bom Apetite!

sexta-feira, Setembro 08, 2006

Salada de Espinafres, Cogumelos, Bacon e Feta



Esta salada serviu de entrada no jantar de sábado passado cá em casa com a minha prima R., o marido J. e as filhas.
Foi um sucesso! Acho que todos gostaram bastante. De tal maneira que no domingo ao jantar voltamos a fazer a mesma salada para uns amigos nossos que também vieram cá jantar! E foi novamente bastante elogiada!
Em Portugal não temos por hábito comer espinafres crús em salada, mas devo dizer que são bastante agradáveis e que a combinação com o salgado do queijo, o crocante do bacon, o macio dos cogumelos e o "doce" do vinagre balsâmico fica realmente muito boa!

Ingredientes:

1 frasco de queijo feta conservado em óleo ou azeite
1 pacote de espinafres prontos a comer
250 gr de cogumelos (champignon) frescos
250 gr de bacon em pedacinhos
sal
azeite
vinagre balsâmico

Preparação:

Sem adicionar gordura frite o bacon numa frigideira anti aderente. Quando estiver crocante junte os cogumelos laminados e lavados e deixe saltear na gordura do bacon. Deixe cozinhar alguns minutos, desligue, escorra a gordura e deixe a mistura a escorrer em papel absorvente.
Numa saladeira coloque os espinafres, e o queijo escorrido da gordura onde estava conservado.
Junte a mistura de cogumelos e bacon.
Mesmo antes de servir tempere com 2 colheres de sopa de azeite, 1 colher de sopa do óleo de conservação do queijo, 2 colheres de sopa de vinagre balsâmico, pimenta moída na ocasião e 1 pitada de sal (atenção que o queijo já tem sal!)
Mexa bem e sirva!

Bom Apetite!

quinta-feira, Setembro 07, 2006

Bolo de Chocolate 5 minutos



Este é o meu bolo salvador. É feito no microondas, onde demora apenas 5 minutos a cozer!
Costumo fazer algumas vezes, quando tenho amigos lá em casa para tomar café, e pouco tempo para fazer qualquer outra coisa! E ainda o podemos comer morninho.
É portanto excelente para situações de emergência! E fica molhadinho...Não é um bolo seco, nem é um bolo muito grande.

Ingredientes:

4 ovos
200gr de açúcar
100gr de farinha
150gr chocolate de culinária
120gr de margarina ou manteiga

Preparação:

Untar um pirex com manteiga (atenção ao tamanho do pirex: deve ser redondo e de 20cm de diametro e com alguma altura). Bater os ovos com o açúcar e a farinha.
Derreter o chocolate no microondas com a margarina durante cerca de 1 minuto e 30 segundos.
Juntar as duas misturas e levar ao microondas no pirex durante 5 minutos na potência máxima.
Desenformar e comer (ainda morno é uma delícia!)

Bom Apetite!

quarta-feira, Setembro 06, 2006

Canelones de Salmão, Espinafres e Requeijão



Andava desejosa de experimentar esta receita. Não sei porquê, mas a combinação de salmão com espinafres e requeijão parecia-me realmente deliciosa. E é!
Apesar de parecer trabalhosa é bastante rápida de fazer, principalmente se usarem canelones que não necessitem de pré cozedura.

Ingredientes:

Canelones
Salmão fresco
espinafres
requeijão
alho
azeite
sal
Molho Bechamel

Preparação:

Coza as postas de salmão e os espinafres em água com sal e separadamente. Escorra e reserve.
Numa caçarola, coloque o azeite, o alho picado e junte o salmão limpo de peles e espinhas. Adicione os espinafres e salteie durante 5 minutos. Deixe arrefecer. Quando estiver morno junte o requeijão e envolva o preparado.
Escalde os canelones em água a ferver e depois de arrefecidos recheie-os com o preparado anterior (Se usar canelones que não necessitam de pré cuzedura, não precisa de fazer isto!)
Num tabuleiro coloque um fundo de molho bechamel (pode ser daquele já pronto) e disponha os canelones por cima. Cubra com o restante molho e leve ao forno a cozer e gratinar.

Bom Apetite!

terça-feira, Setembro 05, 2006

Coelho Estufado com Vinho Tinto



Esta receita foi-me dada pela minha colega P.
É muito, muito simples e relativamente rápida, apesar de pedir uma preparação prévia. Apesar de ser feita com coelho, podem utilizar as mais variadas carnes, desde pato a frango ou peru. A preparação é sempre a mesma.

Ingredientes:

Coelho
Vinho tinto de boa qualidade
Alho
Cebola
Azeite
Louro
Sal e Pimenta

Preparação:

De véspera, e com o coelho preparado e cortado em pedaços, coloque-o numa taça, tempere de sal e bastante alho picado ou apenas esmagado (5 ou 6 dentes) e cubra com o vinho tinto. Tape e deixe ficar 24h.
No dia seguinte coloque ao lume um tacho com um fundo de azeite, bastante cebola cortada em rodelas ou meias luas, e o coelho e a sua marinada. Junte também o louro e um pouco de pimenta. Não é necessário fazer um refogado. Coloque tudo em cru para dentro da panela. Depois é só ir deixando cozinhar de modo a ficar tudo bem cozido e o molho apuradinho. Se necessário rectifique os temperos.
Acompanha com batata cozida com pele, puré ou arroz branco consoante o gosto!

Bom Apetite!

segunda-feira, Setembro 04, 2006

Galinha Tandoori



Desta vez trago uma receita indiana. Tem um paladar muito agradável, e tive o cuidado de não fazer muito picante.
Para quem gosta de sabores mais quentes então aconselho que sejam generosos no picante e até nas outras especiarias. Acompanhei com os paparis de alho, arroz basmati e Chutney de Manga. Para comida indiana, acompanhamentos indianos (encontram-se em todas as grandes superfícies!)

Ingredientes:

1 frango
05dl de vinagre de cidra
sal
3 dentes de alho
raiz de gengibre fresco (4cm)
1 iogurte natural
2clh chá de colorau
1clh chá de coentros em pó
1clh chá de cominhos em pó
1clh chá de açafrão em pó
piripiri
pimenta em grão
noz moscada
corante alimentar vermelho

Preparação:

Retire a pele ao frango e dê 3 golpes à superfície em várias partes da carne. Coloque o frango num recipiente fundo e esfregue a carne com o vinagre de cidra e tempere de sal.
Descasque os dentes de alho e esmague-os num almofariz. Pele o gengibre, desfaça-o no ralador e junte aos alhos.
Acrescente o iogurte, o colorau, os coentros, os cominhos e o açafrão e tempere com piripiri, pimenta e noz moscada moídos na altura, e algumas gotas de corante.
Misture e deite sobre o frango, envolvendo-o muito bem nestes temperos.
Tape o recipiente com película aderente e deixe marinar de um dia para o outro no frigorífico.
Aqueça o forno a 200ºC. Forre um tabuleiro com papel de alumínio, disponha por cima os pedaços de frango e leve ao forno cerca de 40 minutos.
Sirva quente com arroz basmati e paparis.

Bom Apetite!

sexta-feira, Setembro 01, 2006

Pimentada


Mais uma oferta... Desta vez foi um cesto cheio de pimentos caseiros. Gostaria de ter feito massa de pimentão, mas os pimentos não eram ainda maduros (e vermelhos!) o suficiente para fazer esse tempero.
Alguns ainda lá estão na esperança de serem assados e conservados assim em azeite! Outros, foram usados para a pimentada que não é nada mais do que pimentos estufados!

Ingredientes:

pimentos
cebola
alho
louro
azeite
sal e pimenta

Preparação:

Lave, limpe e corte os pimentos em tiras não muito finas. Corte a cebola em meias luas e pique o alho.
Num tacho ou frigideira larga coloque um fundo de azeite, a cebola, o alho, o louro e os pimentos. Tempere de sal e pimenta e deixe estufar em lume brando com o tacho ou frigideira tapado.
É um bom acompanhamento para carnes assadas ou grelhadas!

Bom apetite!

Poderá também gostar de:

Related Posts Widget for Blogs by LinkWithin